F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Compartilhe
avatar
Julio Celestino
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 76
Idade : 25
Cidade/Estado : Vitória - ES
Religião : Cristão
Igreja : Cristã Maranata
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 17
Pontos de participação : 164
Data de inscrição : 02/08/2014

Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Julio Celestino em Sab 27 Jan 2018, 13:27

A paz do Senhor à todos;

Gostaria de por em pauta um assunto muito importante a ser debatido no campo da escatologia. Em destaque, a segunda vinda de Cristo. Como dispensacionalista que sou, gostaria de saber dos irmãos que não creem que o arrebatamento e a segunda vinda de Cristo são dois eventos distintos, como eles harmonizam os dois versículos seguintes:

1ª Tessalonicenses 4.17: Depois, nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.

e

Zacarias 14.4: E naquele dia estarão os seus pés sobre o monte das Oliveiras, que está defronte de Jerusalém para o oriente; e o monte das Oliveiras será fendido pelo meio, para o oriente e para o ocidente, e haverá um vale muito grande; e metade do monte se apartará para o norte, e a outra metade dele para o sul.


A pergunta é a seguinte: segundo o relato do apóstolo Paulo, Jesus Cristo no arrebatamento ficará esperando a sua igreja para o encontro triunfal nos ares, e, de acordo com este termo podemos concluir que ele não pisará na terra neste evento. Já na profecia de Zacarias, o texto é enfático em dizer que Jesus pisará literalmente no monte das Oliveiras. Se os dois textos falam de um mesmo evento, como harmonizar as divergências aqui propostas?

No primeiro texto Cristo fica nos ares; no segundo Ele pisa na terra. Como se resolve isto?
avatar
Vasuilvan
MODERADOR
MODERADOR

Status : no perfil, defina seu status.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 3282
Idade : 48
Cidade/Estado : BRASÍLIA
Religião : CRISTÄO
Igreja : ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA
País : BRASIL
Mensagens Curtidas : 151
Pontos de participação : 10710
Data de inscrição : 17/11/2011

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Vasuilvan em Sab 27 Jan 2018, 18:34

Boa tarde Júlio.
bem interessante essa tua indagação.
Entendo da seguinte forma, não sendo eu Dispensacionalista.

Creio que sejam eventos diferentes que ocorrerão em momentos distintos. Não creio num arrebatamento antes da vinda de jesus. Também entendo que na segunda vinda de Jesus, Ele não tocará nessa terra, ainda corrompida pelo pecado, pois somente durante o milênio passará pelo processo de purificação.

Sendo assim, resta-nos entender de que se trata esse verso de Zacarias 14:4, onde afirma que Cristo colocará Seus pés sobre o monte das oliveiras.

Vejamos:
Zacarias 14:3, diz o seguinte: Jeová sairá para guerrear contra essas nações, como quando ele luta num dia de batalha.

Esse verso 3 de Zacarias 14, encontra eco, no verso 9 de apocalipse 20, veja:
Apocalipse 20:9 E subiram sobre a largura da terra, e cercaram o arraial dos santos e a cidade amada; e de Deus desceu fogo, do céu, e os devorou.

Esse evento da destruição final dos ímpios ocorrerá após o milênio. Ocasião em que a própria divindade luta em favor do seu povo.

Observe que esses dois versos abaixo apresentam o momento em que Cristo, vitorioso, descendo para a terra com a Nova Jerusalém, onde todos os salvos passaram o milênio.
Creio ser esse o momento referido em Zacarias 14:4.

Apocalipse 21:2 - E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido.
Apocalipse 21:10 - E levou-me em espírito a um grande e alto monte, e mostrou-me a grande cidade, a santa Jerusalém, que de Deus descia do céu.
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1445
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 196
Pontos de participação : 4078
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Dom 28 Jan 2018, 11:39

Julio diz:

No primeiro texto Cristo fica nos ares; no segundo Ele pisa na terra. Como se resolve isto?

Ernesto responde:

Olá Julio; A exposição do Vasuilvam está correta, eu só acrescentarei um pouco mais.
Agora esperamos Jesus vindo nas nuvens do céu, para buscar os remidos todos, (não só alguns deles como os Dispensacionalistas entendem). Veja o verso por vc. apresentado; I Tessalonicenses 4.17: Depois, nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.
Este verso deixa bem claro que os salvos não serão somente alguns, mas, todos os salvos, os salvos mortos ressuscitados, e os salvos vivos transformados. Eles subirão juntos ao céu, e se encontrar com Jesus nos ares.
Aqui fica a pergunta: Quem os reunirá para o arrebatamento? Lemos em Mateus 24:31, E ele enviará OS SEUS ANJOS com rijo clamor de trombeta, os quais ajuntarão os seus escolhidos desde os quatro ventos,etc. Jesus não desce a terra,seus anjos farão este trabalho de ajuntar os salvos.
A comitiva dos salvos subirão ao céu, e leia no Apoc. 7; 9, Depois destas coisas, olhei, e eis uma grande multidão, a qual ninguém podia contar, de todas as nações, e tribos e línguas e povos, que estavam diante do trono e perante o Cordeiro, trajando vestes brancas e com palmas nas mãos. v.10, e clamavam com grande voz, dizendo: Salvação ao nosso Deus, que está assentado no trono, e ao Cordeiro.

Aqui vemos a comitiva de Cristo com os anjos diante do trono nos céus,
Se formos mais adiante, veremos no capitulo 19:1, E depois destas coisas, ouvi NO CÉU como que uma grande voz, de uma grande multidão, que dizia, Aleluia, Salvação, e gloria, e honra, e poder pertencem ao nosso Deus etc.
Aqui vemos os salvos no céu , e no verso 7, diz: Regozijemo-nos, e alegremo-nos, e demos lhe gloria porque vindas são as bodas do Cordeiro. e ja a sua esposa se aprontou. Este será o tempo que Jesus com todos os salvos festejarão as bodas do Cordeiro com seus salvos, a igreja de todos os tempos.

O verso por vc. apresentado. Zacarias 14.4: E naquele dia estarão os seus pés sobre o monte das Oliveiras, que está defronte de Jerusalém para o oriente; e o monte das Oliveiras será fendido pelo meio, para o oriente e para o ocidente, e haverá um vale muito grande; e metade do monte se apartará para o norte, e a outra metade dele para o sul.
Veja o monte das oliveiras será fendido, isso nos diz que Deus enviará um terremoto, ou algo parecido, que destruirá todos os países ao redor, inclusive Jerusalém atual, e fará um vale muito grande, e leia V. o verso 5, ultima parte, Então virá o Senhor, meu Deus, e todos os santos contigo, Ó Senhor.
Este acontecimento nos explica muito bem no Apoc.21: 1-3,E vi um novo céu e uma nova terra, Porque ja o primeiro céu, e a primeira terra passaram ( Aqui esclarece bem o resultado do terremoto que fez desaparecer Jerusalém e todas as cidades vizinhas, deixando apenas a terra limpa),Veja o verso 2,E eu João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como esposa ataviada para o seu marido.
A cidade, a nova Jerusalém que descia do céu não desceu vazia,( lemos então virá o Senhor, e todos os santos contigo) veja o verso 3, E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois, com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles e será o seu Deus.
Depois da terra restaurada cumpre-se a profecia de Isaias 65:17, Porque, eis que crio céus novos e nova terra; e não haverá lembrança das coisas passadas, nem mais se recordarão.
Veja o erro dos fundamentalistas, eles creem que Cristo virá de novo após sete anos do arrebatamento, para estabelecer seu reino milenar aqui na terra, veja a contradição;
Se ele estabelecesse um reino milenar contradiz toda a pregação dos apóstolos sobre a sua segunda vinda, Mas, vamos mais adiante, pense bem, se fosse assim, então o reino depois dos mil anos seria destruído novamente no juízo do trono branco, isso provaria que o reinado de Cristo teria sido um fracasso.
Mais outro ponto. Eles não podem provar a descida da igreja com Jesus depois dos sete anos, e mais, o restante dos salvos que nunca foram arrebatados, ou que, segundo eles, os que se converterão durante o milênio nunca verão o céu, porque os fundamentalistas não tem provas de mais outro arrebatamento.
Deixemos as outras parte para outra mensagem

Vamos dialogar:

Abraços Ernesto




















avatar
Julio Celestino
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 76
Idade : 25
Cidade/Estado : Vitória - ES
Religião : Cristão
Igreja : Cristã Maranata
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 17
Pontos de participação : 164
Data de inscrição : 02/08/2014

Os textos não batem.

Mensagem por Julio Celestino em Seg 29 Jan 2018, 17:37

Vasuilvan e Ernesto, como os dois corroboram da mesma teologia no tema proposto, esta resposta será apenas para a mensagem do Vasuilvan por estar mais sucinta e clara.

Tenho alguns pontos para comentar sobre a relação dos textos bíblicos que vocês conectaram um ao outro; por exemplo, dizendo que Zacarias 14.3 encontra eco em Apocalipse 20.9, que aparentemente parecem falar mesmo evento em seu início, mas não em seu desfecho. Segundo o mesmo, o texto de Zc 14.4 se refere a Cristo pisando na terra após o milênio, e afirma que "Ele não tocará nessa terra, ainda corrompida pelo pecado... somente... (após)... o processo de purificação". Posso concluir pelas tuas palavras que neste momento a terra estará já estará purificada do pecado, ou que após a batalha referida (Zc 14.3), não haverá mais pecado na terra .Esta conexão entre Zacarias 14.3 e Apocalipse 20.9 com a conclusão apresentada acima encontra problemas, pois após Ele por seus pés no monte das Oliveiras (Zc 14.4) e após a batalha (Zc 14.3), haverá pecado na terra, como afirma o texto abaixo:

Zacarias 14.18,19: E, se a família dos egípcios não subir, nem vier, não virá sobre ela a chuva; virá sobre eles a praga com que o SENHOR ferirá os gentios que não subirem a celebrar a festa dos tabernáculos. Este será o castigo do pecado dos egípcios e o castigo do pecado de todas as nações que não subirem a celebrar a festa dos tabernáculos.


Por esta razão, creio que seria mais prudente dizer que Zacarias 14.3, ao invés de encontrar eco em Apocalipse 20.9, afirmar que ele se harmoniza melhor com a destruição da besta e do falso profeta com seus exércitos narrado em Apocalipse 19, veja:

Apocalipse 19.15,16: E da sua boca saía uma aguda espada, para ferir com ela as nações; e ele as regerá com vara de ferro; e ele mesmo é o que pisa o lagar do vinho do furor e da ira do Deus Todo-Poderoso. E no manto e na sua coxa tem escrito este nome: Rei dos reis, e Senhor dos senhores.

Apocalipse 19.19: E vi a besta, e os reis da terra, e os seus exércitos reunidos, para fazerem guerra àquele que estava assentado sobre o cavalo, e ao seu exército.

Os textos acima falam da segunda vinda, e se harmonizam melhor com Zacarias 14.3:

Zacarias 14.3: E o SENHOR sairá, e pelejará contra estas nações, como pelejou, sim, no dia da batalha.


.

Creio que a interpretação que encontra mais coerência, é a de que Zacarias 14.4 narra a segunda vinda de Cristo à terra, para só então, estabelecer o  seu reino milenar. Esta interpretação encontra respaldo na lógica cronológica de Apocalipse como expus acima.


PORÉM... Sr. Vasuilvan e sr. Ernesto, gostaria de fazer um pedido antes de prosseguirmos com a discussão do tema. Antes de qualquer resposta que os senhores venham a dar, gostaria (se possível), que me mostrassem com base em quê ou quais textos, vocês afirmam que Cristo não pisará nesta terra contaminada pelo pecado em teu segundo advento, mas só após a purificação (pelo milênio). Grato!
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1445
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 196
Pontos de participação : 4078
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Ter 30 Jan 2018, 10:54


Ernesto diz

Olá Julio, certamente o Vasuilvan também lhe responderá em detalhes sobre as duvidas deste assunto.
Enquanto isso eu darei o meu parecer.

Julio diz:

vocês afirmam que Cristo não pisará nesta terra contaminada pelo pecado em teu segundo advento, mas só após a purificação (pelo milênio)

Ernesto responde

I Tess,4:17, não deixa nenhuma margem de dúvida, seremos arrebatados juntamente com os santos ressuscitados com ele nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor. O nosso encontro com Jesus será nos ares, e não na terra.
A segunda vinda é para buscar, os santos, e estaremos sempre com o Senhor,
A propagada vinda de Cristo sete anos depois da segunda vinda é ante-bíblica esta não existe, Os santos só descerão com Cristo depois de a terra estar purificada e o reinado de Cristo será um reinado eterno e não de mil anos.

Permita que eu dê mais uma pincelada no assunto para o irmão entender melhor.


Tu parastes no verso 3 e 4, de Zacarias 14, onde o Senhor ainda está pelejando contra as nações, eu estou no verso 5, no qual a peleja já terminou, e o monte das oliveiras já está aplainado, e o vale muito grande formado, que é o local preparado para o Senhor descer com todos seus santos.
Aqui surge a pergunta: Como eles vão descer? Vem numa nuvem descendo, e sobre ela os santos? Não.
Aqui entra o apocalipse, 21:1- 3, E, eu João vi, um novo céu, e uma nova terra. Porque o primeiro céu e a primeira terra já passaram. Volto a repetir: Toda a região do oriente médio deixará de existir porque será aplainado para a cidade santa descer com os santos. Apoc. 21:2, E eu vi a santa cidade a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como ma esposa para o seu marido.
A santa cidade não descerá vazia, o verso 3, diz:...Aqui está o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará e eles serão o seu povo, pois o mesmo Deus estará com eles e será o seu Deus
Quando O Senhor descer com os santos do céu então as bodas da esposa com o Cordeiro e a destruição dos ímpios do capítulo 19,do Apoc. já estará no passado;

Abraços Ernesto

Certamente o Vasuilvan trará mais luz sobre este maravilhoso assunto.
.
avatar
Julio Celestino
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 76
Idade : 25
Cidade/Estado : Vitória - ES
Religião : Cristão
Igreja : Cristã Maranata
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 17
Pontos de participação : 164
Data de inscrição : 02/08/2014

Falta de lógica cronológica em Zacarias e Apocalipse

Mensagem por Julio Celestino em Ter 30 Jan 2018, 16:19

Ernesto escreveu:
Tu parastes no verso 3 e 4, de Zacarias 14, onde o Senhor ainda está pelejando contra as nações, eu estou no verso 5, no qual a peleja já terminou, e o monte das oliveiras já está aplainado, e o vale muito grande  formado, que é o local  preparado para o Senhor descer com todos seus santos.
Aqui surge a pergunta: Como eles vão descer? Vem numa nuvem descendo, e sobre ela os santos?  Não.
Aqui entra o apocalipse, 21:1- 3, E, eu João vi, um novo céu, e uma nova terra. Porque o primeiro céu e a primeira terra já passaram. Volto a repetir: Toda a região do oriente médio deixará de existir porque será aplainado para a cidade santa descer com os santos. Apoc. 21:2, E eu vi a santa cidade a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como ma esposa para o seu marido.

Abraços    Ernesto

Certamente o Vasuilvan trará mais luz sobre este maravilhoso assunto.
.

Pois é sr. Ernesto, eu entendi perfeitamente o que você está querendo transmitir. Segundo seu comentário, no verso 5 de Zacarias 14 a peleja de Apocalipse 20 já terminou e Cristo pisa sobre a terra purificada do pecado com os seus santos não é mesmo? Mas como a terra estará purificada se em Zacarias 14.18,19 o texto afirma ainda existir pecado na terra?

Zc 14.18,19: E, se a família dos egípcios não subir, nem vier, não virá sobre ela a chuva; virá sobre eles a praga com que o SENHOR ferirá os gentios que não subirem a celebrar a festa dos tabernáculos. Este será o castigo do pecado dos egípcios e o castigo do pecado de todas as nações que não subirem a celebrar a festa dos tabernáculos.

A pergunta é simples, se no versículo 5 de Zacarias, Cristo pisa na terra purificada do pecado, porque nos versículos 18 e 19 ainda há pecado na terra?
avatar
Julio Celestino
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 76
Idade : 25
Cidade/Estado : Vitória - ES
Religião : Cristão
Igreja : Cristã Maranata
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 17
Pontos de participação : 164
Data de inscrição : 02/08/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Julio Celestino em Ter 30 Jan 2018, 17:16

Estou focando em apenas um ponto, porque se formos ter uma discussão mais abrangente do assunto, teríamos que discutir outras coisas em que nossos pontos são divergentes com relação a interpretação das escrituras.

Afinal eu separo as eras em dispensações, separo Israel da Igreja e separo o arrebatamento da igreja da segunda vinda de Cristo. E não creio que seja uma interpretação anti-bíblica como o referido afirmou, pois se interpretarmos os textos bíblicos forma literal (sempre que possível), no sentido natural das palavras e levando em consideração quando e para quem foi escrito, é inevitável a separação destas coisas que citei.

Mas se espiritualizarmos e fizermos alegorias em cima dos textos bíblicos, poderemos dizer que o milênio já está ocorrendo, ou que as promessas para Israel são as mesmas para a Igreja e outras interpretações desse tipo, onde a verdade exegética está na mente do intérprete e não no texto natural e inspirado.
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1445
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 196
Pontos de participação : 4078
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Ter 30 Jan 2018, 20:14

Olá Julio
O livro de Zacarias traz profecias da primeira vinda, e da segunda vinda, mas, muitas delas estão intercaladas. há o capítulo que aborda a primeira vinda, e no mesmo capitulo ele entra na segunda vinda, e mais adiante volta para recapitular os acontecimentos que antecedem a vinda dele.
Por isso precisamos selecionar uma a uma e aplicá-la no seu devido lugar.
Para não se tornar oneroso no tempo eu transcrevo, ¨parte¨, de um estudo já feito por Johanes Pflaum.


Zacarias e o problema da interpretação “espiritual”

O profeta Zacarias fala tanto da primeira como da segunda vinda de Cristo. O contexto geral do livro evidencia que tanto a primeira como a segunda vinda do Messias estão intrinsecamente ligadas com o povo e com a terra de Israel. Tudo o que Zacarias previu acerca da primeira vinda de Jesus já se cumpriu – não espiritualmente, mas de forma literal,
A ruptura na interpretação do livro acontece quando se trata da volta de Cristo. Aí começa a espiritualização da geografia. Vejamos alguns exemplos do cumprimento literal das profecias de Zacarias acerca da primeira vinda do Messias:
• Jesus entrou em Jerusalém montado em um jumento (Zc 9.9).
• Jesus foi abandonado por Seus discípulos quando foi preso (Zc 13.7).
• Jesus foi traído por 30 moedas de prata (Zc 11.12).
• As 30 moedas foram jogadas por Judas no Templo e com esse dinheiro foi comprado o campo do oleiro (Zc 11.13).
• O lado de Jesus foi traspassado com uma lança (Zc 12.10).

Em diversas passagens Zacarias fala, num mesmo contexto, tanto da primeira como da segunda vinda de Jesus, A ênfase da vinda como Rei dos reis e Senhor dos Senhores começa no capitulo 14,1 a 11 Do verso 12 em diante ele reprisa os acontecimentos que antecedem a vinda dele, por isso o livro de Zacarias é considerado um livro com problema de interpretação.

Abraços Ernesto

Edison
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2321
Idade : 66
Cidade/Estado : Curitiba
Religião : Cristão
Igreja : www.apalavraoriginal.com.br
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 17
Pontos de participação : 5975
Data de inscrição : 29/11/2008

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Edison em Qua 31 Jan 2018, 02:30

Julio,

Julio Celestino escreveu:Estou focando em apenas um ponto, porque se formos ter uma discussão mais abrangente do assunto, teríamos que discutir outras coisas em que nossos pontos são divergentes com relação a interpretação das escrituras.

Afinal eu separo as eras em dispensações, separo Israel da Igreja e separo o arrebatamento da igreja da segunda vinda de Cristo. E não creio que seja uma interpretação anti-bíblica como o referido afirmou, pois se interpretarmos os textos bíblicos forma literal (sempre que possível), no sentido natural das palavras e levando em consideração quando e para quem foi escrito, é inevitável a separação destas coisas que citei.

Mas se espiritualizarmos e fizermos alegorias em cima dos textos bíblicos, poderemos dizer que o milênio já está ocorrendo, ou que as promessas para Israel são as mesmas para a Igreja e outras interpretações desse tipo, onde a verdade exegética está na mente do intérprete e não no texto natural e inspirado.

Julio, a princípio penso que nos alinhamos em relação ao arrebatamento e segunda vinda;

1o arrebatamento da Igreja (virgens prudentes) precedido da ressurreição dos salvos durante as eras da Igreja (Apoc. 2 e 3), transformação da Igreja viva na Terra. Então os "dois grupos" formando um só Corpo sobem para encontrar o Senhor nos ares. Nos ares significa fora do planeta Terra. A que distância??? Deus sabe. Não será visível para a igreja virgem néscia e o resto do mundo.

2o rompe a grande tribulação e neste tempo o Evangelho volta para Israel quando as duas testemunhas (Apoc. 11) salva os 144.000 judeus.

3o Terminada a grande tribulação Jesus volta com a Igreja-Esposa para instalar Seu reino terreal de 1000 anos (Apoc. 19). Então Jesus, agora como Filho de Davi, assume o reino a partir de Jerusalém. A Terra não está purificada. Há paz porque satanás está preso.
Por enquanto não há nada de Nova Jerusalém na Terra.

4o satanás é solto, as pessoas (não salvas) do mundo que viveram o milênio são enganadas por ele, se revoltam e guerreiam contra o Senhor Jesus e Seu povo (Apoc. 20:7-9).

5o os inimigos que cercaram o arraial do Senhor são fulminados pelo "fogo atômico" celestial, satanás é lançado no lago de fogo e enxofre. A Terra é purificada (II Pe 3:7).

6o O Trono Branco é estabelecido e o grande julgamento acontece (Apoc. 20:11-15).

7o Então desce a Nova Jerusalém e retomamos a eternidade.

avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1445
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 196
Pontos de participação : 4078
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Qua 31 Jan 2018, 09:50


Edison diz a Julio

1o arrebatamento da Igreja (virgens prudentes) precedido da ressurreição dos salvos durante as eras da Igreja (Apoc. 2 e 3), transformação da Igreja viva na Terra. Então os "dois grupos" formando um só Corpo sobem para encontrar o Senhor nos ares. Nos ares significa fora do planeta Terra. A que distância??? Deus sabe. Não será visível para a igreja virgem néscia e o resto do mundo.

Ernesto ( como intrometido responde)rsrsrs

Olá grande homem, mas, não tão grande na imaginação rsrsrsrsrs

Mostre na bíblia dois arrebatamentos, as dez virgens são as que estarão vivas por ocasião da vinda de Jesus, cinco delas aguardam a ressurreição dos santos I Tess.4:17, as outras cinco são as néscias que já pertenciam a igreja mas não se prepararam para o encontro com Jesus, estas serão classificadas como ímpias, elas verão a vinda de Cristo e cairão em desespero Mat, 24: 30, TODAS AS TRIBOS da terra se lamentarão e VERÃO etc. mostre na bíblia as virgens precederem de alguma outra classe de salvos.

Edison diz:

2o rompe a grande tribulação e neste tempo o Evangelho volta para Israel quando as duas testemunhas (Apoc. 11) salva os 144.000 judeus.

Ernesto responde.

Outro erro, Marcos13: 24,Ora, naqueles dias, depois daquela aflição, o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz,E as estrelas cairão dos céus , e as forças que estão nos céus serão abaladas.
ENTÃO , VERÃO VIR O FILHO DO HOMEM NAS NUVENS, COM PODER E GRANDE GLORIA e ele enviará os seus anjos e ajuntarão os seus escolhidos.
Aqui vemos a grande tribulação ou aflição daqueles dias, precede a vinda de Cristo, Esta vinda não é aquela propagada pelos tribulacionistas, para vir depois do arrebatamento, porque Jesus vem com os anjos para buscar os santos. E todo o olho o verá.
A partir desta vinda não haverá mais evangelho nenhum porque as duas testemunhas acontecerá antes desta vinda.

Edison diz:

3o Terminada a grande tribulação Jesus volta com a Igreja-Esposa para instalar Seu reino terreal de 1000 anos (Apoc. 19). Então Jesus, agora como Filho de Davi, assume o reino a partir de Jerusalém. A Terra não está purificada. Há paz porque satanás está preso.
Por enquanto não há nada de Nova Jerusalém na Terra.

Ernesto responde:

Mostre na bíblia Jesus voltando com os santos á terra, depois de sete anos, e que reinarão entre os ímpios durante mil anos.outra pergunta: O que Cristo vai fazer no seu reino de mil anos, sendo que após os mil anos a terra toda será destruída pelo fogo, pergunto; e o reino de Cristo como fica?

Edison diz:

4o satanás é solto, as pessoas (não salvas) do mundo que viveram o milênio são enganadas por ele, se revoltam e guerreiam contra o Senhor Jesus e Seu povo (Apoc. 20:7-9).

Ernesto pergunta:

Se os ímpios forem os que nasceram e viveram durante os mil anos, qual a parte que toca aos ímpios mortos que reviverão depois dos mil anos?

Edison diz:

5o os inimigos que cercaram o arraial do Senhor são fulminados pelo "fogo atômico" celestial, satanás é lançado no lago de fogo e enxofre. A Terra é purificada (II Pe 3:7).

Ernesto pergunta:

Se os santos estão encurralados em um arraial, então pergunto: e o reinado de Cristo durante os mil anos, ele não cria nada?


Edison diz:

6o O Trono Branco é estabelecido e o grande julgamento acontece (Apoc. 20:11-15).

7o Então desce a Nova Jerusalém e retomamos a eternidade.

Ernesto pergunta:

O que me dizes dos santos que vem dentro da santa cidade a nova Jerusalém?
Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens,etc.
Quem são e donde eles vem na santa cidade?

Eu sei que tu hás de responder TIM-TIM por TIM –TIM porque não foges da raia rsrsrsrs.

Abraços Ernesto

Edison
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2321
Idade : 66
Cidade/Estado : Curitiba
Religião : Cristão
Igreja : www.apalavraoriginal.com.br
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 17
Pontos de participação : 5975
Data de inscrição : 29/11/2008

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Edison em Qua 31 Jan 2018, 11:13

Olá meu irmão Ernesto, você sabe que para mim você está numa posição maior do que os nossos foristas aqui do Fórum. O tenho em especial estima e isso nos permite sermos francos,
porem com amor.

Ernesto escreveu:
Edison diz a Julio

1o arrebatamento da Igreja (virgens prudentes) precedido da ressurreição dos salvos durante as eras da Igreja (Apoc. 2 e 3), transformação da Igreja viva na Terra. Então os "dois grupos" formando um só Corpo sobem para encontrar o Senhor nos ares. Nos ares significa fora do planeta Terra. A que distância??? Deus sabe. Não será visível para a igreja virgem néscia e o resto do mundo.

Ernesto ( como intrometido responde)rsrsrs

Olá grande homem,  mas, não tão grande na imaginação rsrsrsrsrs

Mostre na bíblia dois arrebatamentos,

Não há dois arrebatamentos. Você entendeu errado.

as dez virgens são as que estarão vivas por ocasião da vinda de Jesus, cinco delas  aguardam a ressurreição dos santos I Tess.4:17, as outras cinco são as néscias  que  já pertenciam a igreja mas não se prepararam para o encontro com Jesus, estas serão classificadas como ímpias, elas verão a vinda de Cristo e cairão em desespero Mat, 24: 30, TODAS AS TRIBOS da terra se lamentarão e VERÃO etc. mostre na bíblia as virgens precederem de alguma outra classe de salvos.

Só haverá UM arrebatamento. Não misture arrebatamento com segunda vinda.
As 10 virgens estarão vivendo o mesmo momento do arrebatamento. Ambas ouvem o alarido. O alarido, que é uma mensagem para todas diz: "acordem, preparem suas lâmpadas, cortem fora a parte queimada do pavio, tirem azeite das vasilhas e reabasteçam suas lâmpadas e saiam ao encontro do Noivo. Isso é o alarido de I Tes. 4:16.
Os últimos ecos desse grito ainda é ouvido. As virgens prudentes tem saído de todas as denominações e estão à caminho do encontro. Elas tem azeite. Suas Bíblias (Sal. 119:105) estão acesas. Elas tem luz (revelação) para o Caminho que leva ao encontro. Elas conseguem ouvir e ver o rumo de onde vem o alarido. Elas tem O Norte Fanal.

Enquanto isso as virgens néscias estão tentando se despertar do seu sono pentecostal humano, do seu sono gospel, da sonolência provocada por seus ensinos de ninar das suas escolas sabatinas e dominicais.
Muitas dizem: "Sim, ouvi que Ele está vindo, mas não é para já. Ainda tem muita coisa para acontecer. Olhe para o Mateus 24 e veja quanta coisa tem de acontecer ainda. O Evangelho tem de ser anunciado a toda criatura e ainda tem tribos indígenas que nem foram contatadas ainda".

Elas estão elas aumentando suas organizações, abrindo enormes templos, enchendo de gente procurando cura divina, prosperidade financeira empresarial e social. Outras estão ampliando seus tentáculos organizacionais abrindo escolas, colégios para formação superior, clínicas de saúde e hospitais. Outras continuam vendendo carnês em troca de orações, assinatura para TV fechada e toda sorte de penduricalhos supostamente ungidos por seus líderes.

MAS TEM UM PEQUENO REBANHO QUE TEM OUVIDO O ALARIDO, TEM SAÍDO DESSE MEIO, TEM ABASTECIDO E PREPARADO SUAS LÂMPADAS, TEM SE DESVENCILHADO DAQUELE VELHO PAVIO TEOLÓGICO QUE SÓ FUMEGAVA E ATRAPALHAVA O RELUZIR DA VERDADEIRA LUZ PRODUZIDA PELO AZEITE, ETC.



Edison diz:

2o rompe a grande tribulação e neste tempo o Evangelho volta para Israel quando as duas testemunhas (Apoc. 11) salva os 144.000 judeus.

Ernesto responde.

Outro erro, Marcos13: 24,Ora, naqueles dias, depois daquela aflição, o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz,E as estrelas cairão dos céus , e as forças que estão nos céus serão abaladas.
ENTÃO , VERÃO VIR O FILHO DO HOMEM NAS NUVENS, COM PODER E GRANDE GLORIA  e ele enviará os seus anjos e ajuntarão os seus escolhidos.
Aqui vemos a grande tribulação ou aflição daqueles dias, precede a vinda de Cristo, Esta vinda não é aquela propagada pelos tribulacionistas, para vir depois do arrebatamento, porque Jesus vem com os anjos para buscar os santos. E todo o olho o verá.
A partir desta vinda não haverá mais evangelho nenhum porque as duas testemunhas acontecerá antes desta vinda.

Isso é Apoc. 19. O arrebatamento já se foi e a Igreja já casada está vindo para reinar o milênio. Quem ve-LO vindo nas nuvens nesse dia é porque perdeu o arrebatamento.


Edison diz:

3o Terminada a grande tribulação Jesus volta com a Igreja-Esposa para instalar Seu reino terreal de 1000 anos (Apoc. 19). Então Jesus, agora como Filho de Davi, assume o reino a partir de Jerusalém. A Terra não está purificada. Há paz porque satanás está preso.
Por enquanto não há nada de Nova Jerusalém na Terra.

Ernesto responde:

Mostre na bíblia Jesus voltando com os santos á terra, depois de sete anos, e que reinarão entre os ímpios durante mil anos.outra pergunta: O que Cristo vai fazer  no seu reino de mil anos, sendo que após os mil anos a terra toda será destruída pelo fogo, pergunto; e o reino de Cristo como fica?

Apoc. 19 mostra. Ele volta com Sua esposa 3,5 anos depois de oficialmente contado o período da grande tribulação. Serão 1260 dias que terão Moisés e Elias para pregar o Evangelho para os judeus (144.000), fechando assim a última metade da septuagésima semana das setenta semanas de Daniel.


Edison diz:

4o satanás é solto, as pessoas (não salvas) do mundo que viveram o milênio são enganadas por ele, se revoltam e guerreiam contra o Senhor Jesus e Seu povo (Apoc. 20:7-9).

Ernesto pergunta:

Se os ímpios forem os que nasceram e viveram durante os mil anos, qual a parte que toca aos ímpios mortos  que reviverão depois dos mil anos?


Na segunda ressurreição ressuscitam todos os mortos não salvos desde Adão. Inclusive aqueles antediluvianos que Jesus os viu lá no inferno quando lá desceu para tomar de volta as chaves da morte e do inferno (Apoc. 1:18), bem como para resgatar os santos, a exemplo de Samuel (I Sam. 28:14-15), que lá estavam retidos.



Edison diz:

5o os inimigos que cercaram o arraial do Senhor são fulminados pelo "fogo atômico" celestial, satanás é lançado no lago de fogo e enxofre. A Terra é purificada (II Pe 3:7).

Ernesto pergunta:

Se os santos estão encurralados em um arraial, então pergunto: e o reinado de Cristo durante os mil anos, ele não cria nada?

O arraial foi cercado depois que completou os mil anos.


Edison diz:

6o O Trono Branco é estabelecido e o grande julgamento acontece (Apoc. 20:11-15).

7o Então desce a Nova Jerusalém e retomamos a eternidade.

Ernesto pergunta:

O que me dizes dos santos que vem dentro da santa cidade a nova Jerusalém?
Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens,etc.
Quem são e donde eles vem  na santa cidade?

Eu sei que tu hás de responder TIM-TIM por TIM –TIM porque não foges da raia rsrsrsrs.

Abraços Ernesto


O João viu a Nova Jerusalém descendo. É possível que tanto Cristo quando a Sua esposa e demais santos do AT venham com ela. A Bíblia não afirma isso. Mas por lógica ela desce habitada até porque os santos que foram cercados no arraial em Apoc. 20 por certo foram sacados de lá para que o fogo de Deus purificasse o planeta.
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1445
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 196
Pontos de participação : 4078
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Qua 31 Jan 2018, 17:47


Edison diz

Olá meu irmão Ernesto, você sabe que para mim você está numa posição maior do que os nossos foristas aqui do Fórum. O tenho em especial estima e isso nos permite sermos francos,
porem com amor.

Ernesto responde:

Eu agradeço os elogios, a nossa amizade é recíproca,

Edison diz:

Não há dois arrebatamentos. Você entendeu errado.
Só haverá UM arrebatamento. Não misture arrebatamento com segunda vinda.

Ernesto responde

Quem faz a mistura és tu, porque o objetivo da vinda de Cristo é buscar os santos, e levá-los ao céu.

diz em João 14:1-3 “Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito; vou preparar-vos lugar. E, se eu for e vos ...levarei para mim mesmo para que, onde eu estiver estejais vos também,
Tem alguma duvida? Ele vem buscar seu povo, ou ele vai ficar aqui?

1 Tessalonicenses 4:16-17 .Por que o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor.

Paulo aqui diz, que os mortos e os vivos serão preparados para todos juntos subir ao céu, e tu; o que dizes?

Quão visível vai ser a Sua Vinda?

A Bíblia diz em Mateus 24:27 “.Por que, assim como o relâmpago sai do oriente e se MOSTRA, até o ocidente, mostrar é se tornar visível desde o nascente até o poente, assim será também a vinda do filho do homem Hebreus 11:16, Mas, agora desejam uma melhor isto é, a celestial. Pelo que também não se envergonha deles, de se chamar seu Deus, porque já lhes preparou uma cidade,

Se já tem uma cidade preparada no céu para os santos da fé, não tem duvida nenhuma, eles serão arrebatados, ou vc. acha que não?

Edison diz

As 10 virgens estarão vivendo o mesmo momento do arrebatamento. Ambas ouvem o alarido. O alarido, que é uma mensagem para todas diz: "acordem, preparem suas lâmpadas, cortem fora a parte queimada do pavio, tirem azeite das vasilhas e reabasteçam suas lâmpadas e saiam ao encontro do Noivo. Isso é o alarido de I Tes. 4:16.

Ernesto responde:

Sim; As dez virgens estão ativas hoje, e, elas continuarão ativas, Quanto o alarido, tu estás forçando a barra, A mensagem que hoje está sendo pregada, não é o alarido que iremos ouvir na grande dia da volta de Jesus, porque o alarido da volta de Jesus, está muito bem marcado no Apoc.6:16, E, diziam aos montes e aos rochedos,. Cai sobre nós e escondei-nos do rosto daquele que está assentado sobre o trono e da ira do Cordeiro,porque é vindo o grande Dia da sua ira; e quem poderá subsistir? Este é o alarido.

Edison diz;


O João viu a Nova Jerusalém descendo. É possível que tanto Cristo quando a Sua esposa e demais santos do AT venham com ela. A Bíblia não afirma isso. Mas por lógica ela desce habitada até porque os santos que foram cercados no arraial em Apoc. 20 por certo foram sacados de lá para que o fogo de Deus purificasse o planeta.

Amém; pelo menos uma vez concordastes comigo.



Abraços Ernesto






Edison
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2321
Idade : 66
Cidade/Estado : Curitiba
Religião : Cristão
Igreja : www.apalavraoriginal.com.br
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 17
Pontos de participação : 5975
Data de inscrição : 29/11/2008

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Edison em Qui 01 Fev 2018, 09:44

Ernesto,


Edison diz:

Não há dois arrebatamentos. Você entendeu errado.
Só haverá UM arrebatamento. Não misture arrebatamento com segunda vinda.

Ernesto responde

Quem faz a mistura és tu, porque o objetivo da vinda de Cristo é buscar os santos, e levá-los ao céu.

diz em João 14:1-3 “Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito; vou preparar-vos lugar. E, se eu for e vos ...levarei para mim mesmo para que, onde eu estiver estejais vos também,
Tem alguma duvida? Ele vem buscar seu povo, ou ele vai ficar aqui?

Ué! Mas você não aceita as moradas. Elas estão detalhadas em II Cor. 5:1-8.


1 Tessalonicenses 4:16-17 .Por que o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor.

Paulo aqui diz, que os mortos e os vivos serão preparados para todos juntos  subir  ao céu, e tu; o que dizes?

Isso acontecerá no arrebatamento.


Ernesto diz:
Quão visível vai ser a Sua Vinda?

A Bíblia diz em Mateus 24:27 “.Por que, assim como o relâmpago sai do oriente e se MOSTRA, até o ocidente, mostrar é se tornar visível desde o nascente  até o poente, assim será também a vinda do filho do homem Hebreus 11:16, Mas, agora desejam uma melhor isto é, a celestial. Pelo que também não se envergonha  deles, de se chamar seu Deus, porque já lhes preparou uma cidade,

Se já tem uma cidade preparada no céu para os santos da fé, não tem duvida nenhuma, eles serão arrebatados, ou vc. acha que não?


Ernesto, o Mat. 24 é o áudio do apocalípse falado ao João e demais apóstolos. Já o livro do Apocalípse são as imagens do áudio de Mat. 24 que Jesus mostrou para o João.

Você tem uma visão equivocada de Mat. 24. Muita coisa do Mat. 24 já aconteceu e muita coisa do Apocalípse também já aconteceu. Algumas coisas estão acontecendo exatamente agora e outras faltam faltam acontecer ainda, tanto do Mat. 24 quanto do livro do Apocalípse. Você precisa discernir isso. A restauração nos trouxe essa revelação.

Esse Mat. 24:27 que você citou, pode ter sido as Sete Eras da Igreja de Apoc. 2 e 3. Esse relâmpago, essa Luz de Cristo que sai do oriente e se mostra até o ocaso no ocidente, pode ser a propagação do Evangelho que raiou em Jerusalém (oriente) seguiu para a Europa e agora tem tido o seu ocaso no ocidente EUA, BRASIL E ÁFRICA e assim como o sol (o Sol da Justiça), está prestes a ressurgir novamente no oriente, quando os 144.000 serão salvos pelo mesmo Evangelho que nos salvou. Lembra de Rom. 1:20??? É a natureza pregando.

Estou dizendo "pode ter sido". Não estou afirmando. Note que após o verso 28 após o raiar do relâmpago do oriente até o ocidente, temos o Corpo de Cristo ajuntado, reunido (águias - Isaias 40:29-31).

Então a partir do verso 29 ao 31 rompe a grande tribulação e logo após temos a Segunda Vinda de Cristo na Terra. Aí sim "todo olho O verá". Isso é Apoc. 19.



Edison diz
As 10 virgens estarão vivendo o mesmo momento do arrebatamento. Ambas ouvem o alarido. O alarido, que é uma mensagem para todas diz: "acordem, preparem suas lâmpadas, cortem fora a parte queimada do pavio, tirem azeite das vasilhas e reabasteçam suas lâmpadas e saiam ao encontro do Noivo. Isso é o alarido de I Tes. 4:16.

Ernesto responde:
Sim; As dez virgens estão ativas hoje, e, elas continuarão ativas, Quanto o alarido, tu estás forçando a barra, A mensagem que hoje está sendo pregada, não é o alarido que iremos ouvir na grande dia da volta de Jesus, porque o alarido da volta de Jesus, está muito bem marcado no Apoc.6:16, E, diziam aos montes e aos rochedos,. Cai sobre nós e escondei-nos do rosto daquele que está assentado sobre o trono e da ira do Cordeiro,porque é vindo o grande Dia da sua ira; e quem poderá subsistir? Este é o alarido.

Pois é meu querido irmão. Você precisa desfantasiar um pouco sua visão da segunda vinda.
Realmente o alarido é um grito "eis aí o Noivo, saí-Lhe ao encontro". E apesar de ser um grito, apenas 10 virgens ouviram. Não diz que o mundo inteiro ouviu, E se ouviu, não entendeu, como não entenderem o alarido do Noé por 120 anos.

Você não gosta que eu fale, mas aquela imagem da Segunda Vinda que a IASD coloca nos outdoors está muito vivo na sua mente e você crê naquilo e espera aquilo. Porem, a Igreja de Cristo espera um arrebatamento que antecede aquele Apoc. 19. A Igreja de Cristo tem ouvido e entendido o "alarido". Ela sabe o que será a "voz do arcanjo" e também sabe o que será a "trombeta de Deus". Desses três acontecimentos o mais importante no momento é o "alarido" que a prepara, que a atavia, que coloca azeite em suas lâmpadas, que lhe dá Luz e ela está a caminho do encontro. Isso está acontecendo agora.
A primeira fase do arrebatamento da Igreja é tira-la de todo e qualquer sistema religioso denominacional. Um pequeno rebanho tem sido ajuntado em todo mundo. Um pequeno rebanho que não teme porque Jesus disse: "Não temais, ó pequeno rebanho, porque a vosso Pai agradou dar-vos o reino" (Lucas 12:32).
O arrebatamento é para um pequeno rebanho. Não é para uma grande multidão. Essa coisa de "gentarada" ficando transparente e deixando vazio os bancos das igrejas é fantasia, é engodo.
As igrejas continuarão lotadas e o forró gospel, o rock gospel, os encantadores e milagreiros continuarão arrebatando multidões de interesseiros em prosperidade e bem estar físico tão somente.


Edison diz;
O João viu a Nova Jerusalém descendo. É possível que tanto Cristo quando a Sua esposa e demais santos do AT venham com ela. A Bíblia não afirma isso. Mas por lógica ela desce habitada até porque os santos que foram cercados no arraial em Apoc. 20 por certo foram sacados de lá para que o fogo de Deus purificasse o planeta.

Amém; pelo menos uma vez concordastes comigo.
Abraços    Ernesto

Sempre concordamos na Palavra.
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1445
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 196
Pontos de participação : 4078
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Qui 01 Fev 2018, 19:07

Ernesto diz:

diz em João 14:1-3 “Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito; vou preparar-vos lugar. E, se eu for e vos preparar lugar...levarei para mim mesmo para que, onde eu estiver estejais vos também,
Tem alguma duvida? Ele vem buscar seu povo, ou ele vai ficar aqui?

Edison diz:

Ué! Mas você não aceita as moradas. Elas estão detalhadas em II Cor. 5:1-8.

Ernesto responde:

Eu aceito as moradas detalhadas de II Cor,5: 8, mas, veja quão confuso é a tua interpretação, Paulo não disse que esse encontro com Deus seria na hora da nossa morte,
veja I Cor, 15: 35-38,
Mas, alguém dirá: Como ressuscitarão os mortos? E com que corpo virão? Insensato! O que tu semeias não é vivificado se primeiro não morrer. E, tu semeias, não semeias o corpo que há de nascer, mas, o simples grão, como de trigo ou de outra qualquer semente,
Mas, Deus dá-lhe o corpo como quer e a cada semente o seu próprio corpo.

Tu sempre queres, transferir a nossa metamorfose ¨entre aspas¨, para logo depois da morte, e Paulo te diz com todas as letras o que ele mesmo espera da vida futura.
II Tim 4:8 Desde agora a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará NAQUELE DIA, e não somente a mim, mas, a todos que amarem A SUA VINDA

O que dizes meu caro; nós seremos revestidos, ou transformados por ocasião da nossa morte, ou ¨naquele dia¨ Que Cristo voltar, e os mortos ressuscitarão?

Ernesto continua,

1 Tessalonicenses 4:16-17 .Por que o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor.
Paulo diz aqui, que os mortos e os vivos serão preparados para todos juntos subir ao céu, e tu; o que dizes?

Edison responde:

Isso acontecerá no arrebatamento.

Ernesto confirma;

Com toda a certeza o arrebatamento terá um só e não é como tu dizes,que serão apenas alguns os arrebatados, mas, TODOS os santos, mortos e vivos, e acontecerá no cumprimento de I Tess 4:16-17.,

Edison diz:

Ernesto, o Mat. 24 é o áudio do apocalípse falado ao João e demais apóstolos. Já o livro do Apocalípse são as imagens do áudio de Mat. 24 que Jesus mostrou para o João.
Você tem uma visão equivocada de Mat. 24. Muita coisa do Mat. 24 já aconteceu e muita coisa do Apocalípse também já aconteceu. Algumas coisas estão acontecendo exatamente agora e outras faltam acontecer ainda, tanto do Mat. 24 quanto do livro do Apocalípse. Você precisa discernir isso. A restauração nos trouxe essa revelação

Ernesto responde.

Para que compor fábulas artificiais para dar outro sentido ao que está escrito na bíblia? Eu sei que Mat, 24, é o roteiro de vida de todo o mundo, desde o monte das Oliveiras até a segunda vinda de Jesus, tem alguma coisa só para os judeus, ano 70, e outros mais.
Mas, do verso 29, em diante não deixa nenhuma duvida, serão os acontecimento do fim dos tempos, e não adianta querer achar outro roteiro para estes versos. Porque a própria mensagem desmente a qualquer que queira mudar de rumo essa profecia.
Ali diz que Cristo virá depois da grande tribulação e não antes,e será visto por todos os ímpio. também, isso contradiz a tua interpretação não é?

Por isso um conselho de amigo para amigo, e irmão para irmão, esqueça o que aprendestes da falsa doutrina, e aceita os que está escrito, e não procure se justificar com passagens além da letra.
Leia II Tess 2: 3-4, Ninguém, de maneira nenhuma vos engane, porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, o qual se opõe e se levanta contra tudo que se chama Deus ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus querendo parecer Deus.
Agora veja o verso 8, E então será revelado o iníquo, a quem o Senhor desfará pelo assopro de sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda.
Será bom se continuassem a ler os versos seguintes, ou um profeta do passado ressuscitasse, não seria capaz de convencer este coração.

Edison diz:

Esse Mat. 24:27 que você citou, pode ter sido as Sete Eras da Igreja de Apoc. 2 e 3. Esse relâmpago, essa Luz de Cristo que sai do oriente e se mostra até o ocaso no ocidente, pode ser a propagação do Evangelho que raiou em Jerusalém (oriente) seguiu para a Europa e agora tem tido o seu ocaso no ocidente, Estou dizendo "pode ter sido". Não estou afirmando. Note que após o verso 28 após o raiar do relâmpago do oriente até o ocidente, temos o Corpo de Cristo ajuntado, reunido (águias - Isaias 40:29-31).

Ernesto pergunta:

Porque não ficas no que está escrito? Por que procuras mensagens dúbias? Só para te confundir? Isaias está longe de ser a resposta ao verso 29 de Mat, 24, O verso diz ¨ANJOS¨, são encarregados para ajuntar os santos para o arrebatamento.
O restante da mensagem seria um repeteco do que já escrevemos.

Abraços Ernesto.

Edison
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2321
Idade : 66
Cidade/Estado : Curitiba
Religião : Cristão
Igreja : www.apalavraoriginal.com.br
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 17
Pontos de participação : 5975
Data de inscrição : 29/11/2008

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Edison em Sex 02 Fev 2018, 15:21

Ernesto diz:
1 Tessalonicenses 4:16-17 .Por que o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor.
Paulo diz aqui, que os mortos e os vivos serão preparados para todos juntos  subir  ao céu, e tu; o que dizes?

Edison responde:
Isso acontecerá no arrebatamento.

Ernesto confirma;
Com toda a certeza o arrebatamento terá um só e não é como tu dizes,que serão apenas alguns os arrebatados, mas, TODOS  os santos, mortos e vivos,  e acontecerá no cumprimento de I Tess 4:16-17.,

Sim, todos os santos vivos e ressuscitados, se reúnem aqui e se vão no arrebatamento único.



Edison diz:
Ernesto, o Mat. 24 é o áudio do apocalípse falado ao João e demais apóstolos. Já o livro do Apocalípse são as imagens do áudio de Mat. 24 que Jesus mostrou para o João.
Você tem uma visão equivocada de Mat. 24. Muita coisa do Mat. 24 já aconteceu e muita coisa do Apocalípse também já aconteceu. Algumas coisas estão acontecendo exatamente agora e outras  faltam  acontecer ainda, tanto do Mat. 24 quanto do livro do Apocalípse. Você precisa discernir isso. A restauração nos trouxe essa revelação

Ernesto responde.
Para que compor  fábulas artificiais para dar outro sentido ao que está escrito na bíblia? Eu sei que Mat, 24, é o roteiro de vida de todo o mundo, desde o monte das Oliveiras até a segunda vinda de Jesus, tem alguma coisa só para os judeus, ano 70, e outros mais.

Então, e o verso 27 que você citou como aparição da segunda vinda (o relâmpago do oriente ao ocidente) ocorre antes do do verso 29.


Ernesto diz:
Mas, do verso 29, em diante não deixa nenhuma duvida, serão os acontecimento do fim dos tempos, e não adianta querer achar outro roteiro para estes versos. Porque a própria mensagem desmente a qualquer que queira mudar de rumo essa profecia.
Ali diz que Cristo virá depois da grande tribulação e não antes,e será visto por todos os ímpio. também, isso contradiz  a tua interpretação não é?

Correto. Isso é a segunda vinda. Isso é Apoc. 19. No entanto, estamos falando de arrebatamento.
O Mat. 24:29 "o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potências dos céus serão abaladas" é o sexto selo (Apoc. 6:12). Confira lá.
Sexto selo é a segunda vinda do Senhor Jesus.
O arrebatamento ocorre antes do quinto sexto. O quinto selo é a salvação dos judeus.


Ernesto diz:
Por isso um  conselho  de amigo para amigo, e irmão para irmão, esqueça o que aprendestes da falsa doutrina, e aceita os que está escrito, e não procure se justificar com passagens além da letra.
Leia II Tess 2: 3-4, Ninguém, de maneira nenhuma vos engane, porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, o qual se opõe  e se levanta contra tudo que se chama Deus ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus querendo parecer Deus.
Agora veja o verso 8, E então será revelado o iníquo, a quem o Senhor desfará pelo assopro de sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda.
Será bom se continuassem a ler os versos seguintes, ou um profeta do passado ressuscitasse, não seria capaz de convencer este coração.

Apostasia??? Você quer maio apostasia do que crer em três deuses na Divindade??? Você quer mais apostasia do que batizar as pessoas nos títulos pai, filho e espírito santo, em lugar do Nome do Senhor Jesus Cristo como faziam os apóstolos??? Você quer mais apostasia do que crer que Moisés foi ressuscitado antes de Jesus??? Você quer mais apostasia do que crer que o selo de Deus é a guarda do sábado natural e não o Espírito Santo conforme está escrito em Ef. 4:30???
Perdoe-me tocar nessas feridas mas as vezes precisamos beliscar nossas consciências.

Vou te repetir uma coisa que já disse várias vezes:

O DIABO NÃO ESTÁ PREOCUPADO EM SABERMOS O QUE DEUS FEZ NO PASSADO E NEM O QUE DEUS FARÁ NO FUTURO. O DIABO ESTÁ INTERESSADO E TRABALHA INCESSANTEMENTE EM NOS IMPEDIR SABER O QUE DEUS ESTÁ FAZENDO NO PRESENTE.

Fique aguardando a revelação do iníquo e você verá que estará em maus lençóis quando ele se materializar. Você precisa ver que o espírito do iníquo, ou seja o espírito do anti Cristo, já está operando e engodando milhões de crentes durante todas as eras desde os dias apostólicos.
Aquele cavaleiro branco do primeiro selo (Apoc. 6:1) já é o anti Cristo agindo desde a primeira era e, você Ernesto, crê que ele é Cristo.
Note quão sutil é esse espírito do iníquo. Se você não vê o espírito dele agindo desde a primeira era da Igreja, perdoe-me, mas provavelmente você não o verá materializado no futuro. E isso te fará perder o arrebatamento.
A Bíblia diz Ernesto que você não tem de combater as coisas visíveis, tipo o iníquo materializado (Ef. 6:12-18). A nossa luta é espiritual.


Edison diz:
Esse Mat. 24:27 que você citou, pode ter sido as Sete Eras da Igreja de Apoc. 2 e 3. Esse relâmpago, essa Luz de Cristo que sai do oriente e se mostra até o ocaso no ocidente, pode ser a propagação do Evangelho que raiou em Jerusalém (oriente) seguiu para a Europa e agora tem tido o seu ocaso no ocidente, Estou dizendo "pode ter sido". Não estou afirmando. Note que após o verso 28 após o raiar do relâmpago do oriente até o ocidente, temos o Corpo de Cristo ajuntado, reunido (águias - Isaias 40:29-31).

Ernesto pergunta:
Porque não ficas no que está escrito? Por que procuras mensagens dúbias? Só para te confundir? Isaias está longe de ser a resposta ao verso 29 de Mat, 24, O verso diz ¨ANJOS¨, são encarregados para ajuntar os santos para o arrebatamento.
O restante da mensagem seria um repeteco do que já escrevemos.
Abraços Ernesto.


Ernesto irmão amado não podemos fugir da letra é verdade. Porem somente a letra, sem o Espírito dela, sem a revelação do Espírito da letra, morremos. E morremos agarrados na letra e se justificando com a letra na mão. É como a Lei que saiu da letra (saiu das pedras de pedra) e passou para o Espírito/Revelação, que são as tábuas de carne do nosso coração. E com base nas tábuas de pedra você continua no sábado de pedra.

Quantos aos anjos que ajuntarão os salvos, posso te garantir que sete deles já fizeram isso durante as sete eras (Apoc. 1:20). Em cada era um anjo de Deus, anjo terrestre, ajuntou a Igreja de Cristo em torno da Palavra revelada para cada era.
Vou te dar um exemplo; Na era de Sardes o anjo terrestre foi Lutero. Ele tirou um pequeno rebanho das trevas do catolicismo e os ajuntou em torno da Luz que da parte de Deus raiou sobre o mundo e um pequeno grupo de eleitos a recebeu.

Note como tem coisas que você espera acontecer antes da segunda vinda de Cristo e elas já aconteceram.

um abraço.

Conteúdo patrocinado

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Qua 18 Jul 2018, 07:44