F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Compartilhe

Vasuilvan
MODERADOR
MODERADOR

Número de Mensagens : 3280
Data de inscrição : 17/11/2011

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Vasuilvan em Sex 14 Mar 2014, 12:54


OK Norberto, perdão...Não sei porque, mas copiei e colei todo o texto inclusive a referência da autoria, mas não colou corretamente...

Esse texto pertence à obra Vida e Ensinos de Ellen White... página 101...

Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Número de Mensagens : 652
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Sex 21 Mar 2014, 20:23


Creio que estas reflexões abaixo ajudam a esclarecer bem o tema:


EM APENAS 4 PALAVRAS CRISTO DETONA COM O ANTI-SABATISMO
1) Em apenas quatro palavras Jesus Cristo detona com o anti-sabatismo: “O sábado foi estabelecido POR CAUSA DO HOMEM”.

Ele não Se refere ao “homem judeu”, pois consta o termo grego anthropós, o homem universal, o mesmo que deixa pai e mãe e une-se a sua mulher (Mat. 19:5, 6). E casamento (instituído junto com o sábado, ao tempo da criação) é coisa só para judeu?

2) Outra forma em que se detona com a falsa teologia neoantinomista anti-sabática é mostrar o absurdo de fazer Jesus pensar só no homem judeu, reinterpretando o texto exatamente como os anti-sabatistas gostariam que Ele tivesse dito:

“O sábado foi estabelecido por causa do homem judaico, e não o homem judaico {foi criado} por causa do sábado”.

Não dá certo! Deus não criou o “homem judaico”. Ele criou somente O HOMEM-anthropós. O fato de depois ter-se tornado judeu, egípcio, francês, brasileiro já são OUTROS FATORES.

Ademais, recordemos que Jesus era tanto homem--pois até Se identificava frequentemente como “Filho do homem”--como judeu, o que destrói as alegações insistentes de alguns de que Ele violava o sábado, baseando-se, por incrível que pareça, em declarações dos Seus acusadores!

3) E a detonação do anti-sabatismo prossegue, pois Jesus JAMAIS iria falar a tolice teológica de que o sábado, se fosse preceito cerimonial, como tantos alegam, foi feito por causa do homem, pois as cerimônias não foram feitas por causa do homem-anthropós.

4) E no vs. 28 Ele liquida o assunto de vez ao declarar-Se “Senhor do sábado”, não para dizer que podia fazer, então, o que quisesse com o sábado, mesmo violá-lo, como certos exegetas incompetentes ensinam, e sim que tinha AUTORIDADE para corrigir a forma de considerá-lo. Afinal, Ele era Senhor de TODA a lei, e nem por isso poderia matar, roubar, mentir, adulterar. . . E o que fazer com suas palavras em Mat. 5:19? Se violasse o mínimo dentre os mandamentos, ou falasse de qualquer dos mesmos em termos de diminuir a sua importância, o próprio Cristo teria de ser considerado “o mínimo no reino dos céus”, por Suas próprias palavras. E o sábado era um dos mandamentos “máximos” na lei.

Quando Ele expulsou os cambistas do Templo indagaram-Lhe--“Com que autoridade fazes isso?” Ele não diz ser “maior do que o Templo” para diminuir sua importância ou rebaixá-lo como algo que se tornou inútil. Até o chama de casa de Deus. Ele quer é demonstrar ter autoridade sobre o mesmo, como também se dá com o sábado--para corrigir distorções em ambos. E eles também distorciam o 5º. Mandamento, quando lhes convinha (ver Mar. 7:9-12).

5) Enquanto as cerimônias são de DEPOIS do ingresso do pecado, justamente como o meio de superá-lo apontando a Cristo, o sábado é de ANTES disso (Gên. 2:2, 3), como reconhecem os documentos confessionais clássicos, históricos e ainda oficiais das Igrejas-mãe das quais tantas outras derivaram, como os das Igrejas Luterana, Presbiteriana, Batista, Metodista, etc. Os pentecostais têm confirmado isso mais recentemente.


Lúcio Monteiro
(in memorian)

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 254
Idade : 65
Cidade/Estado : Recife - PE
Religião : Testemunha de Jeová
Igreja : Testemunha de Jeová
País : Brasil.
Mensagens Curtidas : 56
Pontos de participação : 448
Data de inscrição : 18/08/2012

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Lúcio Monteiro em Seg 24 Mar 2014, 11:43

Prezados Azenilto e demais amigos que observam o sábado semanal

Permita-me primeiro explicar o que Marcos 2:27 não quer dizer.

Quando Jesus disse: “O sábado foi estabelecido por causa do homem",  referia-se ele ao sétimo "dia" da "semana"  da criação (Gn 2:2, 3) ?  

Se fosse esse o caso, Jesus diria: "O sábado foi estabelecido por causa de Deus" ". Afinal, foi Deus quem trabalhou durante os seis "dias" criativos, e não o homem. Igualmente, foi apenas Deus que "cessou" sua obra criativa, e o homem não participou dela.

Lemos que "Jeová, o Criador, ... não se cansa nem se fatiga" (Isaías 40:28). Como sabem, o termo shabbat  em hebraico (descanso, em português), se refere à cessação de uma atividade na qual alguém se empenha,  e não à reparação do cansaço que o trabalho causa ao obreiro. Este entra em estado de repouso (re-pouso) até outra ação desejada justificar uma nova empreitada.

No entanto, depois da conclusão da obra pretendida, o shabbat, sábado ou cessação de trabalhar naquela tarefa concluída  é definitivo. O sábado de Deus não é ritualisticamente comemorado a cada sétimo dia da semana. Quando uma mulher entra em "repouso" ou "passa a descansar" por causa de um filho por ela gestado, tal mulher não retomará a gestação daquele filho, embora possa iniciar a gestação de outro. O sábado ou "descanso" dela  por causa daquele filho é definitivo, permanente, eterno. Por isso, dizemos que a mulher "descansou". Quando alguém morre, utilizamos o mesmo termo: ele "descansou", pois entrou em estado de "repouso" absoluto.

A evidência bíblica de que o descanso ou sábado da criação não tem apenas 24 horas, mas apenas começou naquela ocasião, é que as escrituras surpreendentemente omitem a expressão que repete a cada dia criativo que é finalizado: "E houve tarde e manhã do primeiro ... segundo... terceiro... quarto... quinto e sexto dia" (Gênesis 1:5, 7, 13, 19, 23, 31), mas não houve tarde e manhã do sétimo dia (Gênesis 2:2, 3). Isto significa que a cessação ou descanso iniciada no "sétimo dia" ou período criativo ainda está em andamento e jamais terminará.  

Por isso, o apelo das escrituras é que os homens "santifiquem" o descanso de Deus,  não um dia de 24 horas a cada semana, mas ininterruptamente, mostrando apreço por tudo o que Deus criou e colocando-se a serviço de Deus em um outro trabalho Dele atualmente em andamento. Quem fizer isto, "entra no descanso de Deus", como diz repetidamente Hebreus 4:1, 3, 5, 9, 10 e 11.

Estar Deus em seu "dia de descanso" da criação não significa que ele não pode trabalhar em outra obra. Igualmente, os judeus que não podiam "trabalhar" no sábado para si mesmos, deviam trabalhar na obra de Deus nos sábados semanais, e não ficar ociosos. Jesus trabalhava nas obras de Deus "de sábado a sábado", e não apenas de sábado em sábado,  e os cristãos devem imitá-lo.

A obra que o Pai e Jesus estão hoje empenhados é a de santificação do nome de Deus e de concluir a tarefa de salvação da humanidade (Gênesis 3:15) mediante a implantação do Reino de Deus na terra (Mateus 24:14). Jesus disse àqueles que o acusaram de violar o sábado: "Meu pai está trabalhando até agora e eu trabalho" (João 5:17). Evidentemente, O Pai não estava violando o seu próprio "sábado" por trabalhar inclusive nos dias de descanso semanal prescrito aos judeus.

Então, a quer descanso se refere Jesus em Marcos 2:27? Espero alguns comentários e possíveis contestações, para sentir se alguns desejam saber se ainda é uma obrigação a observância de um sábado semanal por aqueles que já entraram no descanso de Deus.

Paz aos que observam os mandamentos de Deus para os nossos dias.

Lúcio
avatar
Gilcimar
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2231
Idade : 37
Cidade/Estado : Cariacica , ES
Religião : Cristianismo
Igreja : Adventista do Sétimo Dia?
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 153
Pontos de participação : 5901
Data de inscrição : 10/03/2014

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Gilcimar em Seg 24 Mar 2014, 12:41

Querido Lúcio...

Com muito respeito lhe digo que teu texto esta muito fora do Holismo Bíblico...
Isso porque o entendimento de como você entende a semana da Criação influença de como você entende o sábado...
Com Respeito a Marcos o contexto ali era o dia  de Sábado e não só Uma simples santificação do "descanso de Deus" pois Jesus  disse isso por causa da acusação feita pelos fariseus em que os  discípulos fizeram aquilo que eles  Julgava não ser licito em "DIA DE SÁBADO" (Marcos 2:23)..
O dia foi chamado de Sábado por causa do descanso de Deus e o dia que deve ser santificado por causa do descanso de Deus segundo Êxodo 20:8-11 e não o descanso de Deus sem santificar o dia....
Logo quando Jesus falou do Sábado ser estabelecido por causa do homem fala de Um Dia e isso por causa do contexto de Marcos 2:23.....
A discussão era do Dia e não simplesmente do descanso ou não de Deus....
Abraços..!

Lúcio Monteiro
(in memorian)

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 254
Idade : 65
Cidade/Estado : Recife - PE
Religião : Testemunha de Jeová
Igreja : Testemunha de Jeová
País : Brasil.
Mensagens Curtidas : 56
Pontos de participação : 448
Data de inscrição : 18/08/2012

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Lúcio Monteiro em Seg 24 Mar 2014, 12:55

Gilcimar

Gilcimar escreveu:Com Respeito a Marcos o contexto ali era o dia de Sábado e não só Uma simples santificação do "descanso de Deus"... (Marcos 2:23).

Sua colocação acima significa que você não entendeu a minha, pois você está dizendo o que eu disse, e não contradizendo. Observe minha primeira frase. Ainda não comentei sobre o que quer dizer Marcos 2:27.

Vou aguardar outros comentários, prezado Gilcimar, para avaliar a vantagem de prosseguir a explicação.

Abraço

Lúcio


avatar
Gilcimar
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2231
Idade : 37
Cidade/Estado : Cariacica , ES
Religião : Cristianismo
Igreja : Adventista do Sétimo Dia?
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 153
Pontos de participação : 5901
Data de inscrição : 10/03/2014

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Gilcimar em Seg 24 Mar 2014, 13:15

Lúcio...

 Falo do Dia  que se tornou santo por causa do Descanso de Deus...( a discussão não é qual é este conceito de descanso mas que este fez o dia ser o que é )..
 Se  eu conto seis dias com tardes e manhãs expressando  este detalhe eu precisaria chamar um sétimo  dia  com os mesmo pormenores ?
 Logo o sétimo dia de Gênesis seria  sétimo de qual série ?
 Da mesma qualidade dos que foram anteriormente pois é contado como um sétimo dia  depois de se falar do sexto dia apenas sendo um dia diferente no trato mas não na natureza de tempo ....
 Pois é imaginável que um dia chamado de Repouso seja dedicado ao trabalho na qualidade como os outros dias foram..
 O primeiro sábado semanal é apontado como referência no mandamento do Êxodo 20:8-11 depois que o mandamento fala que  6 dias deveria ser de trabalho  colocando mais uma vez um sétimo numa  série de 6....
 
 Se trabalha 6 e um sétimo se santifica  como repouso  mostrando como referência o primeiro dia chamado de sábado......
 Não se santifica o sábado simplesmente não trabalhando este dia...
 Pois é possível  não trabalhar no sábado e mesmo assim não esta santificando o dia...
 Eu particularmente trabalho todos os dias da semana....
 Trabalho 6 dias para mim e Deus e no sétimo trabalho só para Deus ...
 Pois eu aprendi nas escrituras que neste dia os Interesses de Deus são exclusivos...( Isaías 58:13)
 Neste contexto eu trabalho assim como Jesus falou que trabalhava..
 Abraços..!

Lúcio Monteiro
(in memorian)

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 254
Idade : 65
Cidade/Estado : Recife - PE
Religião : Testemunha de Jeová
Igreja : Testemunha de Jeová
País : Brasil.
Mensagens Curtidas : 56
Pontos de participação : 448
Data de inscrição : 18/08/2012

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Lúcio Monteiro em Seg 24 Mar 2014, 16:04

Gilcimar

Deixa eu me certificar de que entendi o que você falou. Você acha que Deus concluiu a criação do universo depois de seis dias de 24 horas cada, num total de 144 horas,  e cessou de criar apenas nas 24 horas do sétimo dia. Por isso, os homens devem comemorar semanalmente todos os dias de sábado posteriores para sempre, não fazendo nenhuma obra nele. É isso?

Gilcimar escreveu:Se eu conto seis dias com tardes e manhãs expressando  este detalhe eu precisaria chamar um sétimo dia com os mesmo pormenores ?

Se o relato menciona que "houve tarde e manhã" nos seis dias criativos, mas não no sétimo, é evidente que o sétimo é um "dia" diferente. Quanto à sua duração, observe que a palavra "dia", depois da menção da santificação do sétimo dia em Gênesis 2:2-3, passa a significar seis "dias" criativos.

A Tradução Brasileira, editada pela Sociedade Bíblica do Brasil escreveu:"Estas são as gerações do céu e da terra quando foram criados, no dia em que Deus Jeová os criou."  

Não afirmo que a duração do "sétimo dia" é de apenas 144 horas (6 x 24 horas), como você propõe, porque o termo que é usado em Gênesis 2:4 em paralelismo com a palavra "dia" é "epoca" ou o advérbio de tempo "quando", indicando um período não especificado de tempo.

Parece, Gilcimar, não haver lógica em se atribuir aos três primeiros "dias" criativos a duração de 24 horas porque o sol, a lua e as estrelas só vieram a ser criados no quarto dia de 24 horas, segundo o pensamento adventista. Se tais astros foram "criados" no "quarto dia", não podiam ter sido referenciais da marcação do tempo dos três primeiros dias.

Gilcimar escreveu: Não se santifica o sábado simplesmente não trabalhando este dia...  Pois é possível  não trabalhar no sábado e mesmo assim não esta santificando o dia..."

Você discerniu bem: Embora tenha Deus proibido aos judeus e associados de trabalhar em dias de sábado, não era o trabalho em si que comprometia a santidade dele. Era a falta de apreço pelas coisas espirituais e a negligência em cumprir os mandamentos que vigoravam para eles.

Gilcimar escreveu:Eu particularmente trabalho todos os dias da semana.... Trabalho 6 dias para mim e Deus e no sétimo trabalho só para Deus ...

Acho que você está se saindo melhor que os judeus que, em geral, trabalhavam para si mesmos nos seis primeiros dias da semana, e no sétimo, não trabalhavam, como determinava a Lei, que não tinha a função de salvá-los, mas de mostrar quão condenados estavam e como precisavam de um sábado ou descanso definitivo de suas próprias obras.  Já os sacerdotes, trabalhavam nos interesses espirituais durante os sete dias da semana.    
 
Jesus e os apóstolos trabalhavam os sete dias da semana para Deus. Observe que Jesus equiparou o trabalho deles de colher espigas no sábado como um trabalho para Deus. O trabalho deles se destinava a obterem o pão para aquele dia, a fim de terem a energia necessária a pregar o evangelho junto com Jesus. O trabalho deles, mesmo aos sábados, não foi considerado uma violação do significado da proibição de se trabalhar em dia de sábado. Certamente, o texto que você citou, de Isaías 58:13, é muito válido para indicar o que um judeu que trabalhava para si mesmo nos seis dias da semana, não podia fazer no sétimo, para que tivesse tempo para,  pelo menos em um dia por semana, se lembrar das coisas espirituais. Para um cristão, entretanto, depois de se beneficiar com o sacrifício de Cristo, um dia só não mais bastava: ele teria que dedicar cada minuto de sua vida inteiramente a Deus.

Abraço, caro amigo, e que Deus amplie nosso conhecimento com a sua Palavra.

Lúcio
avatar
Gilcimar
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2231
Idade : 37
Cidade/Estado : Cariacica , ES
Religião : Cristianismo
Igreja : Adventista do Sétimo Dia?
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 153
Pontos de participação : 5901
Data de inscrição : 10/03/2014

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Gilcimar em Seg 24 Mar 2014, 18:40

Lúcio escreveu:Gilcimar

Deixa eu me certificar de que entendi o que você falou. Você acha que Deus concluiu a criação do universo depois de seis dias de 24 horas cada, num total de 144 horas,  e cessou de criar apenas nas 24 horas do sétimo dia. Por isso, os homens devem comemorar semanalmente todos os dias de sábado posteriores para sempre, não fazendo nenhuma obra nele. É isso?

Não , eu não disse isso...



Se o relato menciona que "houve tarde e manhã" nos seis dias criativos, mas não no sétimo, é evidente que o sétimo é um "dia" diferente. Quanto à sua duração, observe que a palavra "dia", depois da menção da santificação do sétimo dia em Gênesis 2:2-3, passa a significar seis "dias" criativos.

Não faz nenhum sentido que se trata a duração do sétimo dia diferente por não mencionar o detalhe " Tarde e manhã..."
De onde tirou esta regra interpretativa pois é um  pressuposto e tanto.....
Pois é chamado de sétimo dia e não um dia a parte...
Se é um sétimo dia é porque houve um primeiro , um segundo em sequência até chegar o sétimo...


Parece, Gilcimar, não haver lógica em se atribuir aos três primeiros "dias" criativos a duração de 24 horas porque o sol, a lua e as estrelas só vieram a ser criados no quarto dia de 24 horas, segundo o pensamento adventista. Se tais astros foram "criados" no "quarto dia", não podiam ter sido referenciais da marcação do tempo dos três primeiros dias.

Aqui tu mostras que conhece pouco sobre o que determina um dia de 24 horas...
Um dia de 24 horas é determinado pelo giro da terra em torno de si mesma e não por nada no sol ou Lua.......
O Sol  Apenas marcar  para os que estão na terra  quando começa  e terminar um dia  de 24 horas mas a terra girando em torno de si mesma já definiu o dia de 24 horas...
A semana e mês  se marcar com a Lua para os habitantes da terra...
São sinais para estes e não para Deus....
Pois Deus conta os dias da semana um por um pois não precisa de ter o Sinal do Sol marcando o dia de um Pôr do sol ao Outro...
O sol e a Lua só governam o dia e a Noite e não determinam pois antes da existência destes Deus já tinha feito a Noite e Dia...
Assim o Sol e a Lua e estrelas são apenas para sinalizar  os Dias , meses , anos e estações e não são para produzi-los ou determinar-los..
Deus não precisava destes sinais  nos três dias e o Sol e Lua também foram feitos para ajudar na fotossíntese e no controle de outros elementos da natureza...


Para um cristão, entretanto, depois de se beneficiar com o sacrifício de Cristo, um dia só não mais bastava: ele teria que dedicar cada minuto de sua vida inteiramente a Deus.

 Acredito que não tenha lido bem minha postagem pois eu deixei claro que trabalho os setes dias para Deus sendo que no sétimo só para Deus...
 Vejo que não entende bem o conceito de Lei...
 Se continuar sendo humilde vamos aprender juntos ...
 A Lei não foi feita para condenar todos mas só os transgressores...
 Nunca foi promulgada uma lei para salvar...
 Os Justos não se preocupam com a Lei pois não vivem transgredindo-as...
 Se quiser podemos antes em um outro tópico tentar entender o conceito de Lei pois por incrível que pareça tem extensão com mais de um significado nas escrituras...
 Quanto ao sétimo dia não vejo razão para que fosse um dia superado ou abolido o mandamento sobre este dia.....
 Pois uma pergunta pode ser feita :

 O dia  foi santo por declaração do mandamento ou  o mandamento foi provocado pelo dia santo ?
 De qualquer forma o sétimo dia tem este status desde do primeiro existente segundo Gênesis 2:1-3...
 Fique na paz amado Lúcio..!
avatar
Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 652
Idade : 73
Cidade/Estado : Kaunakakai, Molokai, Havaí
Religião : Adventista do 7o. Dia
Igreja : Adventista do 7o. Dia
País : EUA
Mensagens Curtidas : 6
Pontos de participação : 1800
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Seg 24 Mar 2014, 22:30


Primeiramente, gostaria de solicitar ao Lúcio que não deixasse de ver o que postamos no quadro 73 deste mesmo tópico. Verá que muito que trata acima já é tratado por lá e mostramos como a própria Tradução do Novo Mundo, da Soc. Torre de Vigia, nos ajuda a perceber a realidade do que ensinamos.

Quando Jesus disse que “o sábado foi estabelecido por causa do homem”, claro que Ele fala do sábado semanal, que no contexto era o tema em discussão. Dizer que o sábado foi no início estabelecido para Deus não faz sentido porque Deus já é absolutamente SANTO, e não iria santificar nada para Si. Também é absolutamente BENDITO, e não tinha que abençoar nada para Si. Mesmo porque a declaração de Cristo continua sem ser abordada--foi feito PARA O HOMEM, em que sentido? Foi para o bem ou para o mal do homem?

Ademais, o sábado é o “memorial da criação”, como o próprio texto do mandamento claramente assinala (Êxo. 20:8-11, especialmente o vs. 11), além de Êxo. 31:17, onde o referencial do sábado dado a Israel (claro, não o seria a babilônios, egípcios, núbios, assírios, por quê?) é a CRIAÇÃO DO MUNDO, não algo ligado à nação israelita.

E a Tradução do Novo Mundo novamente vem nos ajudar ao traduzir o Sal. 111:4 nestes termos:

“Ele fez uma recordação para as suas obras maravilhosas”.

Pois bem, essa “recordação” é o sábado.

Vemos através da história que todos os grandes eventos foram assinalados por marcas ou memoriais, estabelecidos junto ao evento, não milênios depois. Assim, junto ao fim do dilúvio, na promessa divina de não mais destruir a humanidade pelas águas, temos o estabelecimento do arco-íris. Quando os homens construíram desafiadoramente a Torre de Babel, em seguida Deus confundiu-lhes as línguas. O evento do êxodo foi assinalado com a Páscoa, junto com o episódio, não milênios depois. Igualmente, a travessia do Jordão a seco foi seguida pela edificação de um monumento com 12 pedras. Também a Paixão de Cristo foi demarcada como o memorial apropriado, junto ao evento de Sua morte, não séculos e milênios depois, mediante a Santa Ceia.

Assim, não faz sentido alegarem que o sábado só passou a ser conhecido pelo homem quando caía o maná (Êxo. 16). Errado, foi estabelecido junto à Criação do mundo (Gên. 2:2, 3), não milênios depois do evento.

A alegação de não haver tarde e manhã ligado ao sétimo dia é um pressuposto falho para justificar um sábado criativo que não cessou. Na discussão indicada no quadro 73 isso é mais bem explicado, inclusive com o recurso da Tradução do Novo Mundo que ajuda a entender essa questão até melhor do que outras.

Não só o paralelo dos demais dias indica que a intenção do autor jamais foi de indicar um sábado prolongado, como não ocorre nenhum exemplo em outras parte da Bíblia em que a indicação de dia ligado a um numeral ordinal (1o. dia, 2o., dia, 3o. dia, etc.) indique algo diferente de um dia de 24 horas, plenamente completado.

E se o sábado foi estabelecido por causa do homem (para seu benefício físico e espiritual) CONTINUA ESTABELECIDO, sobretudo em nosso tempo em que se faz tão necessário esse regime natural de descanso semanal, pois no trepidante mundo moderno, tão tendente ao estresse, claramente tal princípio bíblico se faz mais necessário do que nunca, como tem sido reconhecido por pessoas até alheias às questões religiosas.

avatar
Marcelo Almoedo
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 6377
Idade : 64
Cidade/Estado : Recife-PE
Religião : Vou sozinho e não me siga.Você nã
Igreja : perder a fé na fé
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 62
Pontos de participação : 11674
Data de inscrição : 25/08/2010

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Marcelo Almoedo em Ter 25 Mar 2014, 01:01

Bom dia

Professor
Quando Jesus disse que “o sábado foi estabelecido por causa do homem”, claro que Ele fala do sábado semanal
Só Por Pura Curiosidade Professor, Além do Sábado Semanal Existem Outros Sábados?  E Qual Seria Essa Diferença? Explique-nos Por Favor

Almoedo

Lúcio Monteiro
(in memorian)

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 254
Idade : 65
Cidade/Estado : Recife - PE
Religião : Testemunha de Jeová
Igreja : Testemunha de Jeová
País : Brasil.
Mensagens Curtidas : 56
Pontos de participação : 448
Data de inscrição : 18/08/2012

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Lúcio Monteiro em Ter 25 Mar 2014, 03:31

Caro  Gilcimar

Gilcimar escreveu:Não faz nenhum sentido que se trata a duração do sétimo dia diferente por não mencionar o detalhe " Tarde e manhã..."    De onde tirou esta regra interpretativa pois é um  pressuposto e tanto..... Pois é chamado de sétimo dia e não um dia a parte... Se é um sétimo dia é porque houve um primeiro , um segundo em sequência até chegar o sétimo...

A Obra A VIDA - TEVE UM CRIADOR? nas páginas 24 a 28 escreveu:Qual foi a duração dos dias criativos?
Que dizer da duração dos dias criativos? Será que tinham literalmente 24 horas? Alguns afirmam que, pelo fato de Moisés (o escritor de Gênesis) mais tarde ter se referido ao dia após os seis dias criativos como modelo para o sábado (dia de descanso) semanal, cada um dos dias criativos deve ter durado literalmente 24 horas. (Êxodo 20:11) Será que a fraseologia de Gênesis apoia essa conclusão?

Não. O fato é que a palavra hebraica traduzida “dia” pode significar vários períodos, não apenas um de 24 horas. Por exemplo, quando resumiu a obra criativa de Deus, Moisés referiu-se a todos os seis dias criativos como apenas um dia. (Gênesis 2:4) Além disso, no primeiro dia criativo, “Deus começou a chamar a luz de Dia, mas a escuridão chamou de Noite”. (Gênesis 1:5) Aqui, apenas uma parte do período de 24 horas é definida pelo termo “dia”. Com certeza não há base nas Escrituras para declarar arbitrariamente que cada dia criativo foi de 24 horas.

Então, qual foi a duração dos dias criativos? A Bíblia não diz; no entanto, a fraseologia de Gênesis, capítulos 1 e 2, indica que estavam envolvidos longos períodos.

Seis períodos criativos
Moisés escreveu seu relato em hebraico e fez isso da perspectiva de alguém na Terra. Esses dois fatores, mais o conhecimento de que o Universo já existia antes do começo dos períodos (ou dias) criativos, ajudam a eliminar grande parte da controvérsia sobre o relato da criação. Como assim?

Um exame do relato de Gênesis revela que os eventos iniciados no decorrer de um “dia” continuaram no dia ou dias seguintes. Por exemplo, antes de começar o primeiro “dia” criativo, a luz do já existente Sol estava, de alguma forma, impedida de alcançar a superfície da Terra, possivelmente por nuvens densas. (Jó 38:9) Durante o primeiro “dia”, essa barreira começou a dissipar-se, permitindo que a luz difusa penetrasse na atmosfera.*

No segundo “dia” pelo visto a atmosfera continuou a clarear, criando um espaço entre as nuvens espessas no céu e o oceano abaixo. No quarto “dia”, a atmosfera já havia gradualmente clareado o suficiente para que o Sol e a Lua ficassem visíveis “na expansão dos céus”. (Gênesis 1:14-16) Em outras palavras, do ponto de vista de uma pessoa na Terra, o Sol e a Lua começaram a ficar visíveis. Esses eventos ocorreram de forma gradual.

O relato de Gênesis diz também que, ao passo que a atmosfera continuava a clarear, criaturas voadoras — incluindo insetos e criaturas com membranas alares — começaram a aparecer no quinto “dia”.

A narrativa da Bíblia deixa margem para a possibilidade de que alguns dos acontecimentos maiores durante cada dia, ou período criativo, ocorreram aos poucos, em vez de instantaneamente, e alguns deles podem ter se estendido até os dias criativos seguintes.*

Link completo: http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/1102010234?q=dias+criativos&p=par

Acha lógico, Gilcimar, atribuir aos três primeiros "dias" criativos a duração de 24 horas porque o sol, a lua e as estrelas só vieram a ser criados no quarto dia de 24 horas, segundo o pensamento de certo grupo religioso? Como explicar que houve tarde e manhã nos três primeiros dias criativos se nenhum desses astros iluminava a terra? De que corpo celeste veio a luz que Deus criou no primeiro dia de 24 horas, visto que não podia ser nem o sol, nem a lua nem as estrelas, pois só foram criadas no quarto dia de 24 horas, tudo segundo o pensamento de alguns fundamentalistas?

Gilcimar escreveu:Um dia de 24 horas é determinado pelo giro da terra em torno de si mesma e não por nada no sol ou Lua.......

O movimento de rotação da terra só dura hoje 24 horas por causa de seu movimento de translação em torno do sol. Se você pensa que não havia sol nem lua nem estrelas há 6.018 anos atrás, sendo a terra o primeiro astro criado na Via Láctea, que forças gravitacionais faziam-na girar em torno de si mesma de modo a demarcar um dia de 24 horas? Você acha mesmo que a única função do sol, da lua e das estrelas é a de sinalizar os dias, meses, anos e estações, e não para produzir ou determinar e dimensionar esses eventos?

Gilcimar escreveu:Trabalho os setes dias para Deus sendo que no sétimo só para Deus...
Se você trabalha os sete dias da semana para Deus, você é um cristão zeloso; e se trabalha no sétimo dia só para Deus, você é um cristão que considera o dia de sábado superior aos outros, e deve ser respeitado (Romanos 14:1, 5).

Gilcimar escreveu:A Lei não foi feita para condenar todos mas só os transgressores...

Sim, Gilcimar, a Lei foi feita para condenar todos debaixo do pecado, e não só os transgressores . Veja os dois textos a seguir, que comprovam essa afirmação.

Romanos 11:32 escreveu:"Porque Deus a todos encerrou na desobediência, a fim de usar de misericórdia para com todos."

Romanos 3:19-20 escreveu:"Ora, sabemos que tudo o que a lei diz, aos que vivem na lei o diz para que se cale toda boca, e todo o mundo seja culpável perante Deus, visto que ninguém será justificado diante dele por obras da lei, em razão do que pela lei vem o pleno conhecimento do pecado".

Gilcimar escreveu:"Os justos não se preocupam com a Lei pois não vivem transgredindo-as".
Romanos 3:9-10 diz que "não há um justo sequer", se avaliado pela lei. É verdade que a Bíblia chama de justos aqueles servos de Deus que se esforçavam para não violar a lei. Mas, faz isto em sentido relativo porque eram beneficiados pela misericórdia de Deus, à base do sacrifício futuro de Jesus. Mesmo os justos que estavam sob a obrigação de cumprir a lei estavam condenados e precisavam de salvação, se não fizessem por onde escapar da severidade da Lei, "morrendo" para com ela e escolhendo "renascer" submisso à lei misericordiosa  de Cristo.

Gilcimar escreveu:Se quiser podemos antes em um outro tópico tentar entender o conceito de Lei pois por incrível que pareça tem extensão com mais de um significado nas escrituras... Quanto ao sétimo dia não vejo razão para que fosse um dia superado ou abolido o mandamento sobre este dia.....  Pois uma pergunta pode ser feita :  O dia  foi santo por declaração do mandamento ou  o mandamento foi provocado pelo dia santo ?    De qualquer forma o sétimo dia tem este status desde do primeiro existente segundo Gênesis 2:1-3...

Gilcimar, a Bíblia é a Palavra de Deus, mas a criação, a verdadeira ciência [comprovada]  e a razoabilidade também fazem "borbulhar a fala" de Deus e não podem ser contraditadas. Tem sentido discutir assuntos mais difíceis de entender, se não conseguirmos chegar a uma conclusão razoável sobre se é ou não pueril o criacionismo fundamentalista de alguns grupos religiosos? Eu não acredito que sejamos capazes de arrazoar sobre outros assuntos se não conseguimos estabelecer nem mesmo:  1) se o universo tem ou não tem bem mais de 6.018 anos de idade;  2) se faz ou não sentido que o sol, a lua e as estrelas tenham sido criados do nada em um dia de 24 horas;  3) e se o primeiro capítulo de Gênesis está se referindo à criação dos céus e da terra (aludida no primeiro versículo) ou simplesmente à preparação do planeta terra para receber a vida humana.

Peço a Deus que ele nos ajude a responder essas perguntas, espero que afirmativamente, pois tenho tido o prazer de conversar sobre a Bíblia com você.  

Aguardemos na paz que Deus nos responda. Comentarei amanhã a fala de Adenilto. Aguardo dele também a resposta da pergunta inteligente feita pelo prezado colega Almoedo.

Lúcio
avatar
Marcelo Almoedo
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 6377
Idade : 64
Cidade/Estado : Recife-PE
Religião : Vou sozinho e não me siga.Você nã
Igreja : perder a fé na fé
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 62
Pontos de participação : 11674
Data de inscrição : 25/08/2010

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Marcelo Almoedo em Ter 25 Mar 2014, 04:07

Bom dia

Gilcimar
Um dia de 24 horas é determinado pelo giro da terra em torno de si mesma e não por nada no sol ou Lua.......
O Sol  Apenas marcar  para os que estão na terra  quando começa  e terminar um dia  de 24 horas mas a terra girando em torno de si mesma já definiu o dia de 24 horas...
A semana e mês  se marcar com a Lua para os habitantes da terra...
Não, simplesmente não, e você deve saber disso. Se não houvesse o sol a terra não teria sido formado, em primeiro lugar, e se o sol desaparecesse, todos os planetas desse sistema viajaria em uma linha reta até encontrar outra força gravitacional.
Mesmo assim, vamos supor e entrar no mundo mágico da fantasia e  "Se não houvesse o sol?" Se o sol não estivesse no centro, a rotação da terra continuaria? Sim, ela vai continuar a girar sobre seu eixo, mas em total escuridão, sem  rumo, sem vida, sem dia e noite, etc etc  ...Basta pensar, quem segura a lua no espaço? Qual a força que faz com que ela permaneça nessa distancia, embora já há comprovação que ela esta se afastando a cada ano. 


Almoedo
avatar
Gilcimar
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2231
Idade : 37
Cidade/Estado : Cariacica , ES
Religião : Cristianismo
Igreja : Adventista do Sétimo Dia?
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 153
Pontos de participação : 5901
Data de inscrição : 10/03/2014

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Gilcimar em Ter 25 Mar 2014, 06:51

Lúcio...

Eu creio na Bíblia  quando a ciência tenta limitar Deus...
Por isso não creio em nada do que você disse da ciência para tentar Figurar  os dias da criação...
Com respeito a Dia  de 24 horas já ficou claro que a terra girando em torno de si mesma  completo este tempo pois  o giro da terra em torno do Sol já determina  os Anos...
As fases da Lua os Meses...
Quem disse que  o Sol e A Lua precisa iluminar a Terra para que os dias fiquem definidos para Deus...?
Estes conceitos que tentam limitar Deus eu os desprezo a todos...
   

Sim, Gilcimar, a Lei foi feita para condenar todos debaixo do pecado, e não só os transgressores . Veja os dois textos a seguir, que comprovam essa afirmação.

 Existe alguém exceto Cristo que não transgrediu a Lei ?
 De qualquer forma o conceito de pecado é a transgressão da Lei - 1 João 3:4..
 Os justos não vivem pecando...
 A Lei não foi feito para condenar naturalmente a todos desde de sua origem a não ser que você pregue que Deus determinou o pecado quando estabeleceu alguma lei...
O termo Lei tem mais de um extensão....
 Pois antes que houvesse algum tipo de Transgressão já havia a   Lei...( Romanos 4:15)
 Pois onde há ausência de Lei não há possibilidade de transgressão ....
Dentro do conceito de tempo é Impossível Biblicamente colocar a Transgressão antes da existência da existência de qualquer lei...
 Deus diz que não há justos por si mesmos...
 Mas a Bíblia já chamou alguém de justo e irrepreensível em todos os mandamentos e preceitos do Senhor ( Lucas 1:6) logo esta condição não é descartada em absoluto.....
 Querendo ou não Lúcio , a forma Jeovina de entender lei não é segura e até sugiro debatermos este assunto em tópico só sobre isso...
 Agora Encerro por enquanto minha participação  e digo que Jesus falou de um dia Especial em Marcos 2:27 quando diz do sábado ser estabelecido por causa do Homem...
 
 
  Fique na paz amado..!
avatar
Marcelo Almoedo
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 6377
Idade : 64
Cidade/Estado : Recife-PE
Religião : Vou sozinho e não me siga.Você nã
Igreja : perder a fé na fé
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 62
Pontos de participação : 11674
Data de inscrição : 25/08/2010

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Marcelo Almoedo em Ter 25 Mar 2014, 10:05

Boa dia

Gilcimar
Estes conceitos que tentam limitar Deus eu os desprezo a todos
Eu creio na Bíblia  quando a ciência tenta limitar Deus...
Por isso não creio em nada do que você disse da ciência para tentar Figurar  os dias da criação...
Estes conceitos que tentam limitar Deus eu os desprezo a todos.
O  que você acredita ou deixa de acreditar não irão mudar os fatos.

Almoedo
avatar
Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 652
Idade : 73
Cidade/Estado : Kaunakakai, Molokai, Havaí
Religião : Adventista do 7o. Dia
Igreja : Adventista do 7o. Dia
País : EUA
Mensagens Curtidas : 6
Pontos de participação : 1800
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Ter 25 Mar 2014, 21:25

Marcelo Almoedo escreveu:
Só Por Pura Curiosidade Professor, Além do Sábado Semanal Existem Outros Sábados?  E Qual Seria Essa Diferença? Explique-nos Por Favor


Almoedo


Pois não, havia, sim, os vários sábados que eram dias feriados para Israel, como o próprio Yom Kippur, o dia da expiação, e o Dia de Pentecoste e tantos outros. Por isso, após enumerar as várias ocasiões festivas, com “santas convocações”, lemos em Lev. 23:37 e 38:

“Estas são as solenidades do Senhor, que apregoareis para santas convocações, para oferecer ao Senhor oferta queimada, holocausto e oferta de alimentos, sacrifício e libações, cada qual em seu dia próprio; além dos sábados do Senhor, e além dos vossos dons, e além de todos os vossos votos, e além de todas as vossas ofertas voluntárias, que dareis ao Senhor”.

Veja quem nos explica bem a questão, nada menos do que João Wesley, no seu comentário sobre Levítico 23:38:

Além dos sábados - As ofertas dos sábados semanais. . . . Deve-se notar aqui que, embora outros dias festivais sejam chamados de sábados, estes são aqui chamados os sábados do Senhor em forma de contraste, para mostrar que este era um dia mais eminentemente assim do que outras festas”. -- Comentário de Wesley no site de antologia de comentaristas bíblicos clássicos, e-sword.net
.

Viana
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 465
Idade : 74
Cidade/Estado : Porto Alegre
Religião : Livre pensador
Igreja : nenhuma
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -15
Pontos de participação : 1050
Data de inscrição : 06/08/2013

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Viana em Ter 25 Mar 2014, 22:39

Fui convencido a ingressar na IASD, tive que me batizar novamente; antes eu pertencia a IBB.

Mas antes eu gostaria de perguntar:
Será que ainda existem pessoas capazes de acreditar na possibilidade de alguém, ou alguma coisa guardar mesmo o dia de sábado?
Minha nossa... Como seria possível, nos nossos dias, o mundo todo parar, como ordena a bíblia?
Já pensaram nas grandes usinas nucleares, ou até mesmo outras usinas; pararem de funcionar, por 24 horas... E os hospitais, cirurgias de urgência, médicos, enfermeiros na UTI, as funerárias, os bombeiros, a polícia, as farmácias; os funcionários de energia elétrica, água, telefone, transportes, um avião em horários de país diferente... Você chega em casa, não tem água nem luz para tomar um banho, ou puxar a descarga no vazo do banheiro... Você está sendo assaltado, precisa de socorro policial... Como pagar a passagem no ônibus, e receber o troco?
Se você sentir faltar tudo isso no dia de sábado; você vai pedir para morrer, ou até mesmo amaldiçoar o dia de sábado...
Por favor, minha gente… Acordem! - não dá mais pra continuar acreditando nessa tolice de dia de sábado; nos nossos dias, guardar o sábado, causaria o fim do mundo...
[Os Adventistas proíbem tudo no dia de sábado; porém, recolhem dízimos e ofertas dentro da própria igreja, nos dias de sábados, pode?]…

avatar
Marcelo Almoedo
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 6377
Idade : 64
Cidade/Estado : Recife-PE
Religião : Vou sozinho e não me siga.Você nã
Igreja : perder a fé na fé
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 62
Pontos de participação : 11674
Data de inscrição : 25/08/2010

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Marcelo Almoedo em Qua 26 Mar 2014, 00:20

Bom dia

Pois não, havia, sim, os vários sábados que eram dias feriados para Israel, como o próprio Yom Kippur, o dia da expiação, e o Dia de Pentecoste e tantos outros. Por isso, após enumerar as várias ocasiões festivas, com “santas convocações”, lemos em Lev. 23:37 e 38:
Fico muito apreciado e gradecido por  suas respostas e considerações, mas continuo com dúvidas e gostaria de algum comentário diretamente  da sua parte, se fosse possível.

Sabemos que a Palavra "sábado" vem do hebraico Shabat .. parem, a fim de acabar, ou para descansar. Foi a única observância ritual instituído no Dez Mandamentos e, mesmo no judaísmo moderno, é considerado um dos rituais mais importantes, sendo um dia de descanso total, não só, mas de oração e de enriquecimento espiritual. O sábado era (e é) observados todas as semanas a partir do pôr do sol na sexta-feira ao pôr do sol de sábado, (Horário Judaico) e teve um significado duplo. Era tanto uma lembrança da criação e uma lembrança da libertação da escravidão do Egito. 

Os israelitas estão a imitar o exemplo de Deus e descansar no sétimo dia, como o Senhor descansou no sétimo dia da criação. Além disso, lembrando que eles eram escravos no Egito uma vez, deviam-se descansar e permitir que os seus servos descanse também, sendo que ambos eram conceitos radicais em tempos antigos. Nenhum trabalho foi feito, nem ninguém trabalhava no comunidade judaica sábado, uma vez que foi considerado um dia de alegria. As refeições eram frequentemente mais elaboradas e comido mais vagaroso.

No alto ou no Grande Sábados havia sete festas anuais ou Grandes dias de Sabbath, o que não necessariamente se enquadram no sábado semanal, mas foram relacionados aos dias de festa anuais, conforme listado em Levítico 23Nem a Páscoa nem a Festa das Primícias era altos sábados, mas os primeiros e últimos dias do sete dias de Festa dos Pães Ázimos, e sete dias Festa dos Tabernáculos eram ambos considerado Grande  sábados.

Você caro professor e o Adventista presente concordam com esse meu raciocinio?

Para facilitar exponho as Sete Festas de Israel (visão geral) narrada em Levítico 23

01 Levítico 23:05 <> Festa da Páscoa

02Levítico 23:06-08  <> Na Festa dos Pães Ázimos

03 Levítico 23:09-14 <> Na Festa das Primícias

04Levítico 23:15-21  <> Na Festa de Pentecostes

05 - Levíticos 23:23-25 <> Na Festa das Trombetas

06 - Levítico 23:26-32 <> Na Festa da Expiação ou o “Dia do Perdão (Yom Kippur)

07 - Levítico 23:33-43  <>Na Festa de Tabernáculos



08 - Êxodo 16:23 <> Êxodo 20:08 <> Sábados (Shabat)


Almoedo

Conteúdo patrocinado

Re: MARCOS 2.27 - O sábado foi feito por causa do homem, e não o homem por causa do sábado

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Dom 24 Jun 2018, 06:27