F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Compartilhe
avatar
Irineu
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 89
Idade : 54
Cidade/Estado : Curitiba/Paraná
Religião : Mórmon
Igreja : Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 48
Data de inscrição : 28/11/2008

A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Irineu em Sab 03 Jan 2009, 09:20

Numa consequencia natural do tópico “O Ladrão na Cruz Foi Salvo”, volto-me para a ordenança do batismo, como condição sine qua non à salvação.

Atentemos às palavras vindas, não de um Apóstolo que estaria sujeito a dar um cunho pessoal a elas, mas do próprio autor e consumador de nossa salvação, Jesus Cristo: “Aquele que crer e for batizado será salvo” (Mc. 16,16).

Notemos que Jesus poderia ter dito apenas “Aquele que crer será salvo...” e, nesse caso, o ladrão estaria justificado, já que ele, sem dúvida alguma, creu. Entretanto, Jesus não se expressou assim, no tocante a salvação. Ao contrário, acresceu com a força de um mandamento as palavras: “... E for batizado” para então finalizar com o “será salvo”.

No seu conhecido comissionamento, Jesus enfatizou a necessidade dessa ordenanaça ao dizer: “...Ide, ensinai todas as nações, batizando-as...”

Jesus mesmo foi batizado. Ato atestadamente reconhecido pelo Pai quando presentemente no Seu batismo disse: “Este é meu filho amado, em quem me comprazo”. O Espírito Santo também se fez presente em tão sagrada e honrada ordenança.

Um caso especial nos chama a atenção em relação ao batismo. É caso do Apóstolo Paulo, tão comumente parafraseado quando se trata de evidenciar a fé em detrimento às obras (ainda que não considere o batismo como uma obra, mas uma ordenança).

Se bastasse apenas crer, ter fé em Jesus, e tudo estivesse resolvido no tocante a salvação, Paulo contradisse esse entendimento com sua própria conversão, no conhecido episódio “à caminho de Damasco”. Paulo teve um encontro, quase inefável, com Jesus, no entanto, teve que ser batizado, conforme registra At. 22,16.

Os conversos, durante o ministério pessoal de Jesus, eram batizados, segundo o Apóstolo João nos diz: “...Jesus, fazia e batizava mais discípulos do que João. ainda que Jesus mesmo não batizava, mas os seus discípulos.” (Jo. 4, 1-2).

Não advogo que o batismo sozinho tenha o poder de salvação, mas que ele é uma consequencia natural da fé e do arrependimento, também condições imprescindívies quanto a salvação, se lembrarmos ainda as palavras de um outro Apóstolo, Pedro, quando, após uma pregação e respondendo a uma multidão arrependida e crente em Jesus ensinou o batismo como ato contínuo à salvação. “E, ouvindo eles isto, compungiram-se em seu coração, e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos, irmãos? Pedro então lhes respondeu: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para remissão de vossos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo.” (At. 2, 37-38)

Sds, Irineu

Pr. Francisco Belvedere
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 459
Idade : 35
Cidade/Estado : PR
Religião : Protestante
Igreja : Metodista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 03/12/2008

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Pr. Francisco Belvedere em Sab 03 Jan 2009, 10:05

Não, eu não vejo dessa maneira. O texto em questão trata apenas da ordenanção do Batismo. Veja que diz, "Quem não crê, será condenado!" Não passar pelo Batismo implica em desobediência, mas a condição para a salvação é crer. Como protestante histórico eu creio no batismo infantil, mas, mas não creio que a criança seja salva por ser batizada, pois Jesus disse: Das Crianças é o Reino dos Céus. Batizo as crianças, por crer que elas já são salvas. Caso contrário teriamos que pensar que todas as crianção vão para o inferno, já que elas não podem crer.
avatar
Devaney
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 710
Idade : 52
Cidade/Estado : Taubaté
Religião : Evangélico
Igreja : Assembléia de Deus
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 26
Pontos de participação : 1124
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Devaney em Sab 03 Jan 2009, 11:18

Pelo que pude notar, esse tópico será um dos mais duradouros aqui no Forum, ou um dos mais extensos, pelo menos para mim.

Amo esse assunto, pois foi particularmente importante em minha vida espiritual.

Olha como temos assunto para falar sobre Batismo:

1) É sacramento, ordenança ou obra?
2) Fé sem batismo condena ? Batismo sem fé condena ?
3) Batismo lava ou sepulta ?
4) Pedobatismo: para que batizar crianças ?
5) Batismo em águas correntes ou em água parada ?
6) Aspersão, efusão, imersão ? Qual o mais apropriado ?
7) Batismo de João e Batismo de Jesus: qual a diferença ?
8 ) Pode haver um segundo batismo, numa mudança de denominação ?
9) Podemos batizar pessoas vivas em nome das mortas, para que as que morreram ainda tenham salvação ? (crença da igreja Mórmon)

Estou sem tempo agora, pois tenho que viajar dentro em pouco. Mas esse assunto vai levar páginas e páginas, e se pudermos ter consenso em pelo menos 50% dessas questões, já vai ser de bom tamanho !! Razz
avatar
Frei Leonei
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 134
Idade : 45
Cidade/Estado : Palhoça Santa Catarina
Religião : Católica Apostólica Romana
Igreja : Católica
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 62
Data de inscrição : 03/01/2009

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Frei Leonei em Sab 03 Jan 2009, 11:30

Rs. Estamos aqui novamente.
1) Não tenho dúvidas de que não seja um sacramento, sacramento é sinal sagrado.
2)Que fé se proclama se não batizar? Não é possível um batismo sem fé.
3) O Batismo sepulta e faz resurgir para uma vida nova.
4)Se o batismo é um renascer em Jesus Cristo, pode ser negado a quem é destinado o Reino dos Céus, as crianças?
5)Quem já tomou banho não necessita banhar o corpo todo, basta um pouco de água.
6) Todos são apropriados de acordo com as necessidades;
7) O batismo de João é de preparação o de Jesus de nova criatura;
8)Rebatizar é considerado heresia desde os primórdios da Igreja;
9)Esta questão é um absurdo, sem comentários, heresia pura.

Pr. Francisco Belvedere
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 459
Idade : 35
Cidade/Estado : PR
Religião : Protestante
Igreja : Metodista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 03/12/2008

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Pr. Francisco Belvedere em Sab 03 Jan 2009, 12:07

Eu creio que o Batismo é uma ordenança, pois foi ordenado pelo próprio Cristo e uma Sacramento, pois é um sinal visível da Graça invisível. É comprovado que na Igreja primitiva existia tres formas diferente de batismo, que eram igualmente consideradas válidas. A Imersão, as Aspersão e a Efusão. Eu considero a quantidade de água indiferente para a validade do batismo.

Creio no Batismo infantil. Pois crendo ser este um sacramento, o que vai valida-lo não é a atitude de quem recebe ou de quem ministra, mas invocação do nome da Trindade Santíssima.

Sou contra o rebatismo, pois como lembrou o Leonei, isso é inadmissível desde os primórdios da igreja. o batismo é a Inclusão da pessoa na Igreja que é Una, Santa, Universal e Apostólica. Espalhada pelas mais diversas denominações. Por isso, entendo que uma pessoa quando muda de denominação é como se estivesse mudando para outra congreção, outra igreja local, mas parte da mesma igreja invisível.
avatar
Devaney
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 710
Idade : 52
Cidade/Estado : Taubaté
Religião : Evangélico
Igreja : Assembléia de Deus
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 26
Pontos de participação : 1124
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Devaney em Sab 03 Jan 2009, 14:56

Leonei,

É muito bom estar com vc aqui de novo.

Tivemos "brigas homéricas" no FE, mas sempre o respeitei por suas posições e vi que vc sempre teve também um tom conciliatório, sem fazer desavenças inúteis.

Seja muito bem vindo ao novo FE.

Graça e Paz,
DEVANEY
avatar
Frei Leonei
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 134
Idade : 45
Cidade/Estado : Palhoça Santa Catarina
Religião : Católica Apostólica Romana
Igreja : Católica
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 62
Data de inscrição : 03/01/2009

Batismo

Mensagem por Frei Leonei em Sab 03 Jan 2009, 15:23

As vezes a doutrina quer recuperar mais a culpa do que a ingenuidade, isso gerou muita dúvida, mas nós sabemos que o pecado original atingiu a todos e é necessário nascer novamente para livres dele ficar, libertamos os recém nascidos desta mancha e já crescem renascidos em Cristo Jesus.
“Da ruptura da paz com Deus nasce uma situação de afastamento em relação a Ele que diz respeito a todos. Daí se reproduzem novos pecados pessoais”. (Cf. A.T de L. F. Ladaria p. 95).
O pecado é a privação da graça, isso é reestabelecido em Cristo, quanto ao primeiro pecado, os que acreditam na posição monogenista (todos provém de Adão), também não explicam como foi o primeiro pecado. Porém, em algum momento essa história de pecado teve início. A humanidade originariamente traçou uma rota na história do mundo e dos homens desencadeando um processo irreversível, escolheram com liberdade, Deus, em seu misterioso plano, incluiu a todos os homens na desobediência para conceder a todos a misericórdia. (Rm 11,32).
As crianças também necessitam ser incorporadas em Cristo e o batismo delas é para cancelar o pecado original regenerando para uma vida nova, santo Agostino afirmava que a criança não batizada ia para o inferno, depois se falou em limbo e ultimamente se concorda que mesmo não batizadas a misericórdia divina alcança os não batizados.
Fala-se de bens perdidos como a ausência de concupiscência e a imortalidade, nas escrituras aparece uma clara relação entre o pecado e a morte, ao olhar para o passado, deve-se ter em vista o futuro, pois não teríamos uma vida eterna aqui sem a escatologia da vida com Deus. “O homem na graça é o homem eleito e abençoado em Cristo Jesus antes da Criação do mundo”. (Cf. A.T de L. F. Ladaria p. 107).
“Ninguém pode estar seguro com certeza de fé da sua própria justificação, porque, mesmo que não lhe seja permitido duvidar da misericórdia de Deus e da eficácia da redenção de Cristo e dos sacramentos, deve necessariamente duvidar de suas disposições”. (Cf. A.T de L. F. Ladaria p. 115).
Se Jesus aparece como Filho de Deus em potência na sua ressurreição dentre os mortos, de modo semelhante nossa filiação será plena quando nossa conformidade a Ele for total, o Espírito Santo enquanto Espírito do Senhor ressuscitado é aquele que torna possível a vida na filiação divina, onde Cristo permanece no homem por meio da unção do Espírito.
A finalidade da encarnação é a divinização do homem, porém só em virtude do Espírito Santo podemos participar da salvação de Cristo.
avatar
Devaney
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 710
Idade : 52
Cidade/Estado : Taubaté
Religião : Evangélico
Igreja : Assembléia de Deus
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 26
Pontos de participação : 1124
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Devaney em Sab 03 Jan 2009, 16:25

Vou começar...

Apesar do Leonei já ter dito alguma coisa que esclareceu os conceitos de minha primeira pergunta, vou apenas balizar melhor o que cada um quer dizer, de modo que vai facilitar a resposta dos irmãos.

Vejamos:

1) É sacramento, ordenança ou obra?


SACRAMENTO é uma cerimônia ou ritual que, em si mesmos, concedem graça aos homens, sem exigir a fé consciente ou conhecimento dos que dele participam.

ORDENANÇA é uma ordem a ser cumprida e, não obstante não ter poder em si mesma, gera consequências negativas se desobedecida conscientemente.

OBRA é tudo o que se faz e que gera resultados práticos somente após ter sido concluída. Se não for feita, não gera prejuízos, apenas perde-se a possibilidade de uma realização.

Agora podemos ouvir mais opiniões.
avatar
Frei Leonei
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 134
Idade : 45
Cidade/Estado : Palhoça Santa Catarina
Religião : Católica Apostólica Romana
Igreja : Católica
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 62
Data de inscrição : 03/01/2009

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Frei Leonei em Sab 03 Jan 2009, 17:34

Tenho que concordar com o pastor Francisco, não dá para dizer só isso ou só aquilo, é claro que não concordamos que seja uma mera obra que não gera prejuízos, pois gera prejuízos sim. Trata-se de inserir ou não a criança na graça pela efusão do Espírito Santo, se a graça é boa e de graça, por quê negar a graça?

Eu sei que muitos acreditam que para receber a graça é necessário pedí-la e um recêm nascido não pede nada. Mas seu pais que lhe dão o de melhor, não podem pedir para seu filhinho ou filhinha a graça santificante do batismo? Nossa teologia nos ensina isso, os pais emprestam a fé aos filhos, e se a fé deles não é suficiente a Igreja empresta sua fé. Podem retrucar se isso é possível ou não, o importante é que essa é nossa resposta.
avatar
Frei Leonei
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 134
Idade : 45
Cidade/Estado : Palhoça Santa Catarina
Religião : Católica Apostólica Romana
Igreja : Católica
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 62
Data de inscrição : 03/01/2009

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Frei Leonei em Sab 03 Jan 2009, 17:55

Irineu, poderia ser Ireneu não é? Acreditamos que o batismo do ladrão foi o batismo de sangue, por isso ele foi batizado também.
avatar
Irineu
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 89
Idade : 54
Cidade/Estado : Curitiba/Paraná
Religião : Mórmon
Igreja : Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 48
Data de inscrição : 28/11/2008

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Irineu em Sab 03 Jan 2009, 18:45

Devaney e demais amigos,

Apreciei a perspectiva e desdobramentos do assunto, mas receio que possamos desfocar muito do approach inicial que desejei dar ao tópico que é a validade ou não o batismo como condição sine qua non para a salvação.

Creio que, depois poderiamos nos aprofundar mais nas particularidades naturais do assunto ou abrirmos outros tópicos onde pudessémos adentrar nas nuanças do tema.

Assim, gostaria de retomar o ponto inicial e saber mais especificamente o que Jesus quis dizer com “Aquele que crer e for batizado será salvo”?

Se bastasse apenas a fé/crer por que, logo Jesus, o autor e consumador de nossa salvação, não teria dito então “Aquele que crer será salvo”? Não seria contundente se assim fosse? Todavia, a contundência é exatamente nas palavras conjuntas crer e ser batizado...

Ademais é fácil entender porque Jesus não acrescentou o batismo na 2ª. Parte de sua afirmação, quando expressou “Aquele que [não crer] será condenado”. Na minha perspectiva do contexto da Sua fala, fica claro que “se alguém já não creu", seria desnecessário o Salvador acrescentar ou repetir a palavra batismo como confirmação da não-salvação. Afinal, quem não creu já não será salvo e, nesse caso, o batismo nem seria cogitado.

Além disso, outro ponto que gostaria de ouvir dos amigos, dada a importância do fato, é sobre a conversão de Paulo a caminho de Damasco. Se bastasse a fé ou crer somente, por que Paulo teve que ser batizado? Não seria uma oportunidade indiscútivel para demonstrar que bastaria a fé de Paulo no encontro com Jesus? Ou esse episódio flagrantemente atesta a necessidade do batismo como requisito a salvação?

Se considerarmos que nem Jesus nem Paulo foram isentados dessa ordenança, por que a invalidariamos hoje como não-obrigatória a despeito, inclusive da ordem de Jesus de “...Ide, ensinai todas as nações, [batizando-as...]” somadas ao fato que Seu próprio ministério batizava. “Jesus, fazia e batizava mais discípulos do que João, ainda que Jesus mesmo não batizava, mas os seus discípulos.”

Desculpe-me se pareço repetitivo, mas como entendo e creio que essas passagens são importantes na consecução do entendimento desse assunto, trouxe-as de volta, até mesmo para resgatar o sentido primário do assunto em foco.

Sds,

Irineu
Obs.: É Irineu mesmo, Leonei, e não Ireneu como o famoso Bispo de Lyon

Paulo Cesar
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 120
Idade : 45
Cidade/Estado : Brasília
Religião : Cristã
Igreja : Assembléia de Deus
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 1
Pontos de participação : 69
Data de inscrição : 08/12/2008

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Paulo Cesar em Sab 03 Jan 2009, 21:15

Irineu escreveu:Ademais é fácil entender porque Jesus não acrescentou o batismo na 2ª. Parte de sua afirmação, quando expressou “Aquele que [não crer] será condenado”. Na minha perspectiva do contexto da Sua fala, fica claro que “se alguém já não creu", seria desnecessário o Salvador acrescentar ou repetir a palavra batismo como confirmação da não-salvação. Afinal, quem não creu já não será salvo e, nesse caso, o batismo nem seria cogitado.
Se este argumento for válido, Irineu, então toda a segunda parte seria desnecessária. Se quem crer e for batizado será salvo, então "seria desnecessário o Salvador acrescentar" que quem não crer será condenado pois isto é implicação da primeira parte.

Defendo o batismo como essencial à carreira cristã. Qualquer um que crer sentirá a necessidade de se batizar. Mas há casos que merecem especial consideração. O ladrão na cruz é um deles. Ele não se batizou por dois motivos: 1) porque provavelmente não sabia da necessidade do batismo e 2) porque estava impossibilitado de assim fazer.

Eu gostaria ainda de citar mais um (imaginário):

Digamos que alguém esteja com seu batismo marcado para um domingo. No entanto, na ida para a igreja essa pessoa sofre um acidente e morre. Ela deixará de ser salva por causa dessa tragédia?

Mas minha recusa maior em aceitar essa idéia, de que o batismo é essencial à salvação, é a questão da graça. Se o batismo é tão necessário à salvação quanto a fé, então estamos defendendo uma forma de salvação pelas obras, ainda que em menor medida que outras religiões.

E, ainda, deixa eu fazer uma pergunta: somos justificados quando cremos ou quando cremos e, passado algum tempo, somos batizados?
avatar
Devaney
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 710
Idade : 52
Cidade/Estado : Taubaté
Religião : Evangélico
Igreja : Assembléia de Deus
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 26
Pontos de participação : 1124
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Devaney em Dom 04 Jan 2009, 00:34

Irineu,

Você já manifestou que o batismo é uma ORDENANÇA, e quero crer que mantém sua posição, mesmo depois de ler a definição que coloquei alguns posts atrás.

A posição católica romana é bem clara, trata-se de sacramento e por isso definida como se segue (os grifos são meus):

Ainda que recebido indignamente, o batismo válido imprime à alma do batizado uma marca espiritual indelével, o caráter batismal. A pessoa batizada é incorporada, por esse caráter batismal, ao Corpo Místico de Cristo. Toda pessoa batizada de modo válido, mesmo batizada fora da Igreja Católica, torna-se membro da Santa e Una Igreja Católica e Apostólica. (...) Os Sacramentos concedem graça imediatamente, isto é, sem a mediação da fé fiducial. (Dogmas Fundamentais da Igreja Católica - Ludwig Ott - páginas 355, 328)

Aqui fica claro que a Igreja Católica - e somente ela - chama o batismo de Sacramento com o alcance máximo que essa palavra possa ter - o de ter poder em si mesmo, de inclusive irmanar uma pessoa a Cristo sem nem mesmo que essa pessoa o queira. Repare no termo "ainda que recebido indignamente". Por isso ela batiza crianças, pois acredita piamente que elas passam a ser parte da Igreja mesmo que nem tenham consciência do que estão fazendo. Quanto ao termo "Batismo de Sangue" que o Leonei usou aqui, quer dizer o seguinte:
Se, sob o influxo da graça sobrenatural e por um motivo de verdadeira caridade, uma dessas almas derramou o seu sangue em defesa de um princípio da lei natural, isto é, da lei inscrita por Deus na natureza. Ou mesmo se algum não-católico for intimado, sob ameaça de morte, a renegar a Deus, ou mais especificamente sua fé em Jesus Cristo, e, movido por uma graça de caridade sobrenatural, recusar-se a fazê-lo, sendo por isso morto, ele recebe o batismo do sangue, porque in extremis terá confessado a Deus ou Jesus Cristo.

Algumas igrejas tradicionais históricas (anglicanos, luteranos, reformados, metodistas) chamam o batismo de Sacramento, mas não ensinam como a ICAR que ele possua poder em si mesmo, nem ensinam o Batismo de Desejo (para pessoas que morreram pouco antes de serem batizadas) ou o caso de sangue, acima.

Queria que você fizesse uma analogia entre o que sua igreja prega sobre batismo dos mortos com essas doutrinas da ICAR.

Veja que o Leonei não acha correto o batismo de mortos, mas não vejo tanta diferença entre o batismo de sangue ou de desejo para com sua doutrina.

Particularmente, eu acho semelhantes.
avatar
Norberto
ADMINISTRADOR
ADMINISTRADOR

Status : "Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )" (Oséias 6.3)
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 4296
Cidade/Estado : .
Religião : .
Igreja : .
País : .
Mensagens Curtidas : 154
Pontos de participação : 17341
Data de inscrição : 17/11/2008

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Norberto em Dom 04 Jan 2009, 12:28

.
Prezados participantes e leitores:

Confesso que li “por cima” o que foi escrito acima, mas darei - para iniciar minha participação - algumas “pinceladas” sobre o tema. Depois, com mais calma, devo fazer outras observações.

Entendo que, embora o batismo seja uma ordenança de Jesus, Ele não possui qualidades miraculosas nem poder para regeneração do pecador.

A pinha opinião em dar ao batismo um significado mais amplo do que ele tem na Bíblia é contrariar as Escrituras.

O batismo deve ser colocado no seu devido lugar: como rito de iniciação simbólica, “figura da realidade” e jamais a realidade em si mesma.

A Bíblia associa o batismo com a morte e a ressurreição (Rm 6.3-11; Cl 2.12). O crente pelo batismo morreu para viver em novidade de vida.

Jesus não ordenou o batismo nas águas antes da sua crucificação e ressurreição. Por isso, conclui-se que quem morreu antes da ordenança do batismo citada em Mc 16.16, aceitando (crendo fielmente) em Jesus como Salvador do mundo, alcançou a salvação prometida por Deus, a qual é estendida a todos que crêem no seu Filho.

Isso enquadra o malfeitor crucificado ao lado de Jesus, que morreu sem batismo, mas crendo no Filho de Deus no momento em que estavam na cruz: E disse a Jesus: Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu Reino. E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso. (Lc 23.42-43 RC).

O batismo é sempre simbólico. Quando uma pessoa não convertida a Cristo é batizada, não há a concretização do símbolo por falta da realidade da salvação. Entra na água um incrédulo ENXUTO e sai um incrédulo MOLHADO e nada mais.
avatar
Frei Leonei
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 134
Idade : 45
Cidade/Estado : Palhoça Santa Catarina
Religião : Católica Apostólica Romana
Igreja : Católica
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 62
Data de inscrição : 03/01/2009

Batismo

Mensagem por Frei Leonei em Dom 04 Jan 2009, 16:57

Caro Norberto. Com todo respeito, tenho que discordar de sua postagem. Cada dia mais me assusta a exegese moderna e estranha às Escrituras. Antes era um trabalho para aprovar a simbologia de relatos do Antigo Testamento, pois há muita poesia hebréia, afinal a Bíblia diz por quê e não como, até ai tudo bem. Mas agora quando se começa simbolizar realidades e arcanos da fé, a gente fica duvidoso.
Vou por partes. Muitas parábolas são de fato simbólicas, mas será que Jesus contava parábolas ao instituir a Eucaristia como presença real? A resposta é não. Será que Jesus contava parábolas ao dar a missão a Pedro de apascentar o seu rebanho? A resposta também não, essa idéia de igreja invisível me é estranha também. Será que é parábola que quem morre e ressuscita com Cristo no Batismo? Não, de forma alguma. Se o sr. Norberto acredita qu o Batismo é morte e ressurreição em Cristo, isso não pode ser simbólico. Se a Bíblia associa, associa de verdade, não brinquemos com arcanos da fé.

Conteúdo patrocinado

Re: A Ordenança do Batismo é Essencial para a Salvação?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Ter 21 Nov 2017, 10:06